Show simple item record

dc.creatorSilva, João Victor Souza da
dc.date.accessioned2019-05-23T18:42:51Z
dc.date.available2019-05-23T18:42:51Z
dc.date.issued2018-03-27
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufsm.br/handle/1/16628
dc.description.abstractThis thesis aims to substantiate methodologically approach the complexity in Economic Science in consideration of contemporary economic theory of Adam Smith. Complex thinking reflects a contemporary effort by researchers in different strands to criticize the characteristic limitations of the paradigmatic reductionist line of modern thought. On the other hand, Adam Smith is considered as the first great thinker within the Economy while it is used as the basis of the argumentation of Economic Science as an exact and objective field of scientific investigation. This work aims to counter this perspective by highlighting the incipience of the complex thinking in Adam Smith through the re-reading of his main works, based on the scientific framework that protected him. Therefore, segments into three chapters. The first grounded methodologically the modern reductionist scientific paradigm, with emphasis on the contributions of René Descartes and Isaac Newton, bases for the consolidation of the scientific criterion in a generalized way. In addition, it discusses the fundamentals and characteristics of the complexity approach and the acknowledged advances in relation to the reductionism in its capacity to apprehend socioeconomic phenomena. The second chapter focuses on the thinking of Adam Smith and is divided into three points. The first exposes the reductionist interpretation of his ideas, systematized by the Neoclassical Economic School. The second and third are dedicated to the interpretation of complex elements in his works, let us say the conception of subject and incompleteness of the non-social being in Theory of Moral Sentiments and the understanding of the enrichment process of Nations as a phenomenon of complex nature, in the Wealth of Nations, respectively. The third chapter deals with the contemporary aspect of Economic Complexity, with emphasis on the evolutionary line and the focus of complex networks of trade, which are close to methodically through the basics of complex thinking and demonstrate a rescue and today Adam of economic thought Smith.eng
dc.description.sponsorshipCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - CAPESpor
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de Santa Mariapor
dc.rightsAttribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International*
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/*
dc.subjectReducionismopor
dc.subjectAbordagem da complexidadepor
dc.subjectAdam Smitheng
dc.subjectComplexidade econômicapor
dc.subjectReductionismeng
dc.subjectComplexity approacheng
dc.subjectComplexity economicseng
dc.titleFundamentos metodológicos da complexidade econômica e o pensamento contemporâneo de Adam Smithpor
dc.title.alternativeMethodological foundations of economic complexity and Adam Smith's contemporary thoughteng
dc.typeDissertaçãopor
dc.description.resumoEsta dissertação tem como objetivo fundamentar metodologicamente a abordagem da complexidade na Ciência Econômica em consideração à contemporaneidade da teoria econômica de Adam Smith. O pensamento complexo reflete um esforço contemporâneo de pesquisadores em diferentes vertentes em criticar as limitações características da linha reducionista paradigmática do pensamento moderno. Por outra via, Adam Smith é considerado como primeiro grande pensador dentro da Economia ao passo que é utilizado como base da argumentação da Ciência Econômica como campo exato e objetivo de investigação científica. Este trabalho objetiva contrapor esta perspectiva ao evidenciar a incipiência do pensamento complexo em Adam Smith por meio da releitura de suas principais obras, tendo por base o arcabouço científico que lhe resguardara. Para tanto, segmenta-se em três capítulos. O primeiro fundamenta metodologicamente o paradigma científico reducionista moderno, com ênfase sobre as contribuições de René Descartes e Isaac Newton, bases para a consolidação do critério científico de modo generalizado. Ademais, discorre-se sobre os fundamentos e características da abordagem da complexidade e dos reconhecidos avanços em relação ao reducionismo em sua capacidade de apreender fenômenos de natureza socioeconômica. O segundo capítulo concentra-se no pensamento de Adam Smith e divide-se em três pontos. O primeiro expõe a interpretação reducionista de suas ideias, sistematizada pela Escola Econômica Neoclássica. O segundo e o terceiro dedicam-se à interpretação de elementos complexos em suas obras, diga-se a concepção de sujeito e incompletude do ser não social em Teoria dos Sentimentos Morais e a compreensão do processo de enriquecimento das Nações como fenômeno de natureza complexa, n’A Riqueza das Nações, respectivamente. O capítulo terceiro aborda a vertente contemporânea da Complexidade Econômica, com ênfase sobre a linha evolucionária e para o enfoque das redes complexas de comércio, as quais aproximam-se metodologicamente pelos fundamentos do pensamento complexo e demonstram um resgate e a atualidade do pensamento econômico de Adam Smith. Apesar de inexistirem bases cientificas da complexidade e da assumida influência do pensamento moderno sobre sua compreensão de mundo, reconhece-se em Smith as bases fundamentais da abordagem da Complexidade na Ciência Econômica, em negação à difundida e infundada interpretação reducionista da sua proposta de apreensão dos fenômenos de natureza econômica.por
dc.contributor.advisor1Veloso, Gilberto de Oliveira
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/7483055519410824por
dc.contributor.referee1Rohenkohl, Júlio Eduardo
dc.contributor.referee1Latteshttp://lattes.cnpq.br/1171683006014352por
dc.contributor.referee2Prado, Eleuterio Fernando da Silva
dc.contributor.referee2Latteshttp://lattes.cnpq.br/4072206767742558por
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/6725519324252735por
dc.publisher.countryBrasilpor
dc.publisher.departmentEconomiapor
dc.publisher.initialsUFSMpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Economia e Desenvolvimentopor
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ECONOMIApor
dc.publisher.unidadeCentro de Ciências Sociais e Humanaspor


Files in this item

Thumbnail
Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International
Except where otherwise noted, this item's license is described as Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International

O Manancial - Repositório Digital da UFSM utiliza a versão 4.1 do software DSpace.
Av. Roraima, 1000. Cidade Universitária "Prof. José Mariano da Rocha Filho".
Bairro Camobi. CEP: 97.105-900. Santa Maria, RS, Brasil.