Show simple item record

dc.contributor.advisorMangini, Fernanda Nunes da Rosa
dc.creatorSilva, Arthur Almeida
dc.date.accessioned2020-02-13T14:22:08Z
dc.date.available2020-02-13T14:22:08Z
dc.date.issued2018-11-28
dc.date.submitted2018
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufsm.br/handle/1/19574
dc.descriptionMonografia (graduação) - Universidade Federal de Santa Maria, Centro de Ciências Sociais e Humanas, Curso de Graduação em Serviço Social, RS, 2018.por
dc.description.abstractThe course conclusion work presented here is a continuation of the reflections generated in the curricular traineeship process. These reflections refer to the lack of production in the Social Work area regarding the intervention dimension of work, more specifically in relation to the "how to do" of procedures such as reception. It is a research of theoretical-bibliographic character that has the objective of analyzing the adequacy of the concept of soft technologies in both Social Service and Collective Health. The conceptual discussion presented here runs through the broader debate about technology, approaching it as a social phenomenon and as the object of analytical-conceptual studies. As well as part of a bibliographical survey of articles in the area of Social Work and Collective Health that deal with the theoretical discussion of soft technologies, with the objective of identifying the current concepts in these two areas of knowledge about the reception and the entail, such as work processes enrolled in health technologies. Also presents here approximations between the data collected in the research, with the results obtained in the implementation of the intervention project developed in the traineeship. Identifying the peculiarities of the professional work of the social worker in the relational field. The development of this research proposes to promote a deepening of the theoretical discussion about the intervention dimension of the profession, highlighting its peculiarities in the way of approaching the users of health services bearing in mind the social and historical determinants that interfere in the life of these subjects. It considers that the procedures that are part of the relational dimension of the work, are procedures guided by rules and specific and well structured knowledges, permeated by an intentionality and moved by a rational action, being characterized as technology.eng
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de Santa Mariapor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/*
dc.subjectTecnologias levespor
dc.subjectServiço socialpor
dc.subjectSaúde coletivapor
dc.subjectAcolhimentopor
dc.subjectVínculopor
dc.subjectSoft technologieseng
dc.subjectSocial workeng
dc.subjectCollective healtheng
dc.subjectReceptioneng
dc.subjectEntaileng
dc.titleTecnologias leves no serviço social e na saúde coletiva: acolhimento e vínculopor
dc.title.alternativeSoft technologies in social work and collective health: reception and entaileng
dc.typeTrabalho de Conclusão de Curso de Graduaçãopor
dc.degree.localSanta Maria, RS, Brasilpor
dc.degree.graduationServiço Socialpor
dc.description.resumoO trabalho de conclusão de curso que aqui se apresenta, é uma continuidade das reflexões gestadas no processo de estágio curricular obrigatório. Tais reflexões dizem respeito à escassez de produção da área do Serviço Social quanto à dimensão interventiva do trabalho, mais especificamente, em relação ao “como fazer” de procedimentos como o acolhimento. É uma pesquisa centrada na revisão teórico-bibliográfica de artigos, com o objetivo de analisar a adequação do conceito de tecnologias leves, tanto no Serviço Social quanto na Saúde Coletiva, bem como, de analisar a relação de tal conceito com as ações desenvolvidas no projeto de intervenção de estágio, tendo como referência o método cartográfico. A discussão conceitual que aqui se apresenta, perpassa o debate mais amplo a respeito da tecnologia, abordando-a, sob dois vieses, como fenômeno social e como objeto de estudos analíticoconceituais. Para tanto, desenvolve um levantamento bibliográfico de artigos da área do Serviço Social e da Saúde Coletiva que tratem da discussão teórica das tecnologias leves, com o objetivo de identificar as concepções vigentes nessas duas áreas de conhecimento, dando destaque para o acolhimento e o vínculo, como integrantes dos processos de trabalho inscritos dentro das tecnologias da saúde. Também apresentam-se aqui aproximações entre os dados levantados na pesquisa, com os resultados obtidos na implementação do projeto de intervenção desenvolvido no estágio, identificando as peculiaridades da atuação profissional do Assistente Social no campo relacional. A pesquisa promove um aprofundamento da discussão teórica, a respeito da dimensão interventiva da profissão, destacando suas peculiaridades, na forma de abordar os usuários dos serviços de saúde, tendo em mente os determinantes sociais e históricos que interferem na vida desses sujeitos. Considera que os procedimentos que fazem parte da dimensão relacional do trabalho são procedimentos guiados por regras e saberes específicos e bem estruturados, permeados por uma intencionalidade e movidos por um agir racional, sendo caracterizados como tecnologia.por
dc.publisher.countryBrasilpor
dc.publisher.initialsUFSMpor
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::SERVICO SOCIALpor
dc.publisher.unidadeCentro de Ciências Sociais e Humanaspor


Files in this item

Thumbnail
Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Acesso Aberto
Except where otherwise noted, this item's license is described as Acesso Aberto

O Manancial - Repositório Digital da UFSM utiliza a versão 4.1 do software DSpace.
Av. Roraima, 1000. Cidade Universitária "Prof. José Mariano da Rocha Filho".
Bairro Camobi. CEP: 97.105-900. Santa Maria, RS, Brasil.