Show simple item record

dc.contributor.advisorBuenos, Alexandre Aparecido
dc.creatorAmbrós, Guilherme Silva
dc.date.accessioned2020-05-28T13:39:02Z
dc.date.available2020-05-28T13:39:02Z
dc.date.issued2019-08-29
dc.date.submitted2019-08-29
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufsm.br/handle/1/19869
dc.description.abstracthe 3D Printing process also known as Additive Manufacturing is used in the manufacture of prototypes and parts using the material addition technique to construct the object, depending on the procedure adopted may present as a characteristic the excellent final dimensional quality of the part. To carry out the process it is necessary to define a project and elaborate it on a computer aided design platform (CAD), with the defined geometries the file in Surface Tesselation Lan-guage (STL) format can be sent for 3D printing. In the printing process it is possible to define the final characteristics of the part by means of printing parameters. It is known that by varying the printing parameters, you have parts and prototypes with different mechanical properties, which may or may not be beneficial in increasing the mechanical strength of the part. This research aims to analyze, quantitatively, the variation of tensile strength as a function of diffe-rent printing parameters in polylactic acid (PLA) printed parts and prototypes. The parameters studied are fill, wall thickness and height between layers. For the production of the specimens, a Cliever Pro Plus 3D printer with fused deposition modeling technology was used. For the tensile strength tests an EMIC DL-2000 universal testing machine was used. After defining and combining the parameters, a total of 27 different deposition conditions were reached. The di-mensions of the test bodies and performance of the tensile test followed the ASTM D 638-02a standard. As a result, it was possible to determine, quantitatively, the behavior of tensile stren-gth as a function of variation in printing parameters. It can be concluded that tensile strength increases with increasing padding, wall thickness and height between layers for PLA printed parts and prototypes.eng
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de Santa Mariapor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectManufatura aditivapor
dc.subjectParâmetros de impressãopor
dc.subjectImpressão 3Dpor
dc.subjectResistência à traçãopor
dc.subjectMetodologia de superfície de respostapor
dc.subjectAdditive manufacturingeng
dc.subjectPrinting parameterseng
dc.subject3D printingeng
dc.subjectTensile strengtheng
dc.subjectResponse surface methodologyeng
dc.titleInfluência dos parâmetros de impressão 3D na resistência à tração de corpos de prova impressos em PLA utilizando modelagem por fusão e deposiçãopor
dc.title.alternativeInfluence of 3D printing parameters on tensile strenght of PLA printed test specimens using fusion and deposigion modelingeng
dc.typeTrabalho de Conclusão de Curso de Graduaçãopor
dc.degree.localSanta Maria, RS, Brasilpor
dc.degree.graduationEngenharia Mecânicapor
dc.description.resumoO processo de Impressão 3D conhecido também como Manufatura Aditiva é utilizado na fabri-cação de protótipos e peças utilizando a técnica de adição de material para construção do objeto, dependendo do procedimento adotado pode apresentar como uma característica a excelente qualidade dimensional final da peça. Para realizar o processo é necessário definir um projeto e elaborá-lo em uma plataforma de desenho assistido por computador (CAD), com as geometrias definidas o arquivo no formato Surface Tesselation Language (STL) pode ser enviado para impressão 3D. No processo de impressão é possível definir as características finais da peça através de parâmetros de impressão. Sabe-se que ao variar os parâmetros de impressão, tem-se peças e protótipos com diferentes propriedades mecânicas, podendo estas variações serem be-néficas ou não no aumento da resistência mecânica da peça. Este trabalho tem como objetivo analisar, de forma quantitativa, a variação da resistência à tração em função de diferentes parâ-metros de impressão em peças e protótipos impressos em ácido polilático (PLA). Os parâmetros estudados são preenchimento, espessura de parede e altura entre camadas. Para produção dos corpos de prova foi utilizado uma impressora 3D Cliever Pro Plus com tecnologia de fabricação por filamento fundido. Para os ensaios de resistência a tração foi utilizado uma máquina de ensaio universal EMIC DL-2000. Após a definição e combinação dos parâmetros chegou-se a um total de 27 diferentes condições de deposição. As dimensões dos corpos de prova e realiza-ção do ensaio de tração seguiram a norma ASTM D 638-02a. Como resultado foi possível de-terminar, de forma quantitativa, o comportamento da resistência à tração em função da variação nos parâmetros de impressão. Pode-se concluir que a resistência à tração aumenta com o au-mento do preenchimento, espessura de parede e altura entre camada, isso para peças e protóti-pos impressos em PLA.por
dc.publisher.countryBrasilpor
dc.publisher.initialsUFSMpor
dc.subject.cnpqCNPQ::ENGENHARIAS::ENGENHARIA MECANICApor
dc.publisher.unidadeCentro de Tecnologiapor


Files in this item

Thumbnail
Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record


O Manancial - Repositório Digital da UFSM utiliza a versão 4.1 do software DSpace.
Av. Roraima, 1000. Cidade Universitária "Prof. José Mariano da Rocha Filho".
Bairro Camobi. CEP: 97.105-900. Santa Maria, RS, Brasil.