Show simple item record

dc.creatorBrum, Betânia
dc.date.accessioned2017-04-26
dc.date.available2017-04-26
dc.date.issued2009-02-20
dc.identifier.citationBRUM, Betânia. Relations between variables: seeds, seedlings, plants, production and oil in castor bean. 2009. 121 f. Dissertação (Mestrado em Agronomia) - Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria, 2009.por
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufsm.br/handle/1/4987
dc.description.abstractCastor bean is an oil and biodiesel source. Besides, it has a high seed yield potential in the State of Rio Grande do Sul. The objective of this work was to establish the relationship among the variables: seeds, seedlings, adult plants, grain yield and oil quality in two castor bean hybrids. The experiment was conducted at the Federal University of Santa Maria during the 2007/2008 growing season using the hybrids Sara and Lyra. Three plots of each hybrid were sown; each plot was formed by 13 rows with different distances between plants: 0.4, 0.6 and 0.8 m. Before, an evaluation was conducted in regard to individual characteristics of the seeds on a total of 90 seeds for each hybrids. In each plot, the two central rows consisted of 30 plants and these were evaluated from emergence until harvest comprising seedling, adult plant, grain yield and oil quality. In each group of variables the following propositions were tested: multivariate normality, deviation homocedasticity, and linearity in order to analyze the canonical correlations among groups. For the Sara hybrid, the relationships among groups were established mainly by: seeds of higher weight, width and length positively affected seedling vigor; seedlings correlated with longer epicotyls 14 days after emergence (DAE) and longer hipocotyl 7 DAE that were associated with adult plants height at beginning of flowering, average leaf area, average raceme length, average number of capsules per raceme and negatively the raceme average length; higher adult plants at flowering had more capsules per raceme, higher grain yield and lower average raceme length. In regard to the hybrid Lyra, weight and size of seeds did not affect seedling vigor. The relationship among groups was established by: seedlings with longest epicotyls 7 DAE, smallest epicotyls 14 DAE, less degree-days to emergence and greater number of days to emit the first true leaves determined higher number of inflorescences and average leaf area and lower plant height at flowering and degree-days to flowering; adult plants with the higher number of inflorescences positively affected raceme number. Plants of the hybrid Sara presented significant canonical correlations with most of the variables except for oil quality. For the hybrid Lyra, significant canonical correlations were observed only between the variables of seedlings and adult plants; and, between variables of adult plants and grain yield. For the hybrids studied, the oil quality is not determined by the productive variables.eng
dc.description.sponsorshipConselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico
dc.formatapplication/pdfpor
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de Santa Mariapor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectRicinus communis L.por
dc.subjectPressupostos multivariadospor
dc.subjectCorrelações canônicaspor
dc.subjectAnálise de crescimentopor
dc.subjectRicinus communis L.eng
dc.subjectMultivariate assumptionseng
dc.subjectCanonical correlationseng
dc.subjectAnalysis of growtheng
dc.titleRelações entre variáveis de: sementes, plântulas, plantas, produção e óleo em mamoneirapor
dc.title.alternativeRelations between variables: seeds, seedlings, plants, production and oil in castor beaneng
dc.typeDissertaçãopor
dc.description.resumoA mamona é uma matéria-prima que possui excelente qualidade de óleo para a indústria ricinoquímica e para a produção de biodiesel. Além disso, apresenta elevado potencial produtivo no estado do Rio Grande do Sul. O objetivo desse trabalho foi identificar as relações entre as variáveis de: sementes, plântulas, plantas adultas, produção de grãos e qualidade de óleo, em dois híbridos de mamona. O experimento com a cultura de mamoneira, híbridos Sara e Lyra foi conduzido no ano agrícola 2007/2008, no Departamento de Fitotecnia da Universidade Federal de Santa Maria. Foram semeadas três parcelas do híbrido Sara e três do híbrido Lyra. Cada parcela foi constituída por 13 fileiras, com espaçamento entre plantas de 0,4; 0,6 e 0,8 m. Anterior a instalação do experimento em campo, foram realizadas avaliações individuais das características físicas das sementes (180 sementes), sendo 90 do híbrido Lyra e 90 do híbrido Sara. Em cada parcela, as duas linhas centrais foram ocupadas com 30 sementes e as plantas originadas foram avaliadas desde a emergência até a colheita. Além das variáveis de sementes, foram avaliadas as variáveis de: plântulas, plantas adultas, produção de grãos e óleo. Em cada grupo de variáveis foram testadas as pressuposições: normalidade multivariada, homocedasticidade dos desvios, multicolinearidade e linearidade, para a análise de correlação canônica entre os grupos. No híbrido Sara, as relações entre os grupos são estabelecidas principalmente por: sementes de maior massa, largura e comprimento, influenciam positivamente o vigor de plântulas; plântulas com maior comprimento do epicótilo aos 14 DAE (Dias após a emergência) e com maior comprimento do hipocótilo aos sete DAE, influenciam positivamente a altura da planta no início do florescimento, a área foliar média - método do comprimento da nervura principal, o número de inflorescências, o número médio de cápsulas por rácemo e, negativamente, o comprimento médio dos rácemos; plantas adultas com maior número de inflorescências influenciam positivamente o número de rácemos por planta e, plantas adultas mais altas no florescimento determinam maior número médio de cápsulas por rácemo, maior rendimento e menor comprimento médio dos rácemos. No híbrido Lyra, sementes de maior massa e tamanho não influenciam o vigor de plântulas. As relações entre os grupos são estabelecidas principalmente por: plântulas com maior comprimento do hipocótilo aos sete DAE, menor comprimento do epicótilo aos 14 DAE, menos grausdia para emergência e maior quantidade de dias para emitir as primeiras folhas verdadeiras determinam maior número de inflorescências e área foliar média - método do comprimento da nervura principal e, com menor altura da planta no florescimento e graus-dia para o início do florescimento; plantas adultas com maior número de inflorescências influenciam positivamente o número de rácemos. Plantas do híbrido Sara apresentam correlações canônicas significativas entre a maioria dos grupos de variáveis, exceto para a qualidade de óleo. No híbrido Lyra, as correlações canônicas significativas ocorrem somente entre os grupos de plântulas e plantas adultas; e, entre plantas adultas e produção. A qualidade do óleo de mamona, para os híbridos Sara e Lyra, não é determinada pelas variáveis de produção.por
dc.contributor.advisor1Lopes, Sidinei José
dc.contributor.advisor1Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4700757Z3por
dc.contributor.referee1Storck, Lindolfo
dc.contributor.referee1Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4788328Y4por
dc.contributor.referee2Oliveira, Paulo Henrique de
dc.contributor.referee2Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4794270U5por
dc.creator.Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4732419P0por
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.departmentAgronomiapor
dc.publisher.initialsUFSMpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Agronomiapor
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIApor


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record


O Manancial - Repositório Digital da UFSM utiliza a versão 4.1 do software DSpace.
Av. Roraima, 1000. Cidade Universitária "Prof. José Mariano da Rocha Filho".
Bairro Camobi. CEP: 97.105-900. Santa Maria, RS, Brasil.