Show simple item record

dc.creatorSilva, Angelica Marian da
dc.date.accessioned2017-04-26
dc.date.available2017-04-26
dc.date.issued2015-02-27
dc.identifier.citationSILVA, Angelica Marian da. Calcium availability associated with chemical control on the progress of asian soybean rust.. 2015. 55 f. Dissertação (Mestrado em Agronomia) - Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria, 2015.por
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufsm.br/handle/1/5132
dc.description.abstractThe mineral nutrition is a tool that can be used in the management of diseases in soybean. Plants grown under adequate nutritional levels are more tolerant to attack by certain pathogens. Calcium is a structural component of the cell wall, its availability directly affects the mechanical strength of tissues and thus the reaction of the plant to plant pathogens. Other cropping practices than fungicides have to be searched to avoid excessive exposure of fungi to the same active ingredients, a fact favoring the emergence of resistant individuals. The study aimed to determine the effect of calcium availability on the severity of Asian soybean rust, plant growth and grain yield in two cultivars. The experiment was conducted in pots with sand in a greenhouse, from December 2, 2013 to April 15, 2014. The treatments consisted of a split-split-plot factorial (5x2x2) design, with five calcium concentrations in nutrient solution, two soybean cultivars and with and without chemical fungicide control. Seven evaluations of disease severity were made during the plant vegetative and reproductive stages and the area under the disease progress curve (AURPC) was determined. At the end of the experiment, shoot dry weight, grain production, total number of grains per plant, thousand grain weight and the leaf calcium content were determined. Results indicated that by increasing calcium availability shoot growth was enhanced and disease severity was reduced, grain production was increased in plants without chemical control, with interactions between cultivars. It was concluded that calcium nutrition can be used in crop management to reduce the severity of the Asian soybean rust.eng
dc.description.sponsorshipCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior
dc.formatapplication/pdfpor
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de Santa Mariapor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectGlycine max L.por
dc.subjectNutrição de plantaspor
dc.subjectDoençapor
dc.subjectPhakopsora pachyrhizipor
dc.subjectFungicidapor
dc.subjectGlycine max L.eng
dc.subjectMineral nutritioneng
dc.subjectDiseaseeng
dc.subjectPhakopsora pachyrhizieng
dc.subjectFungicideeng
dc.titleDisponibilidade de cálcio associada ao controle químico sobre o progresso da ferrugem asiática da soja.por
dc.title.alternativeCalcium availability associated with chemical control on the progress of asian soybean rust.eng
dc.typeDissertaçãopor
dc.description.resumoA nutrição mineral é uma ferramenta que pode ser utilizada no manejo de doenças em soja. Uma planta com níveis nutricionais adequados é mais tolerante ao ataque de determinados fitopatógenos. O cálcio é componente estrutural da parede celular, sua maior ou menor disponibilidade afeta diretamente a resistência mecânica dos tecidos e, consequentemente, a reação da planta aos fitopatógenos. É necessário que outras formas de manejo sejam adotadas a fim de evitar a exposição excessiva dos fungos aos mesmos ingredientes ativos, fato que favorece o aparecimento de indivíduos resistentes. O trabalho teve por objetivo determinar o efeito da disponibilidade de cálcio sobre a severidade da ferrugem asiática da soja, o crescimento da planta e a produtividade de grãos em duas cultivares. O experimento foi conduzido em vasos com areia em casa de vegetação, entre 02 de dezembro de 2013 e 15 de abril de 2014. Os tratamentos foram constituídos de um fatorial (5x2x2), com parcelas sub subdivididas, cinco concentrações de cálcio em solução nutritiva, duas cultivares e com e sem aplicação do tratamento químico fungicida. Foram feitas sete avaliações da severidade da doença no estádio vegetativo e reprodutivo das plantas e determinada a área abaixo da curva de progresso da ferrugem (AACPF). Ao final do experimento foi determinada a massa seca da parte aérea, a produção de grãos, o número total de grãos por planta, o peso de mil grãos e o teor de cálcio nas folhas. Os resultados indicaram que o aumento da disponibilidade de cálcio aumentou o crescimento da parte aérea e diminuiu a severidade da doença, com aumento na produção de grãos nas plantas sem aplicação de fungicida, havendo interações com a cultivar. Concluiu-se que a nutrição com cálcio pode ser empregada no manejo da cultura visando reduzir a severidade da ferrugem asiática.por
dc.contributor.advisor1Andriolo, Jeronimo Luiz
dc.contributor.advisor1Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4788660U5por
dc.contributor.referee1Madalosso, Marcelo Gripa
dc.contributor.referee1Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4778101E2por
dc.contributor.referee2Debortoli, Monica Paula
dc.contributor.referee2Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4770905J5por
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/7751879669041121por
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.departmentAgronomiapor
dc.publisher.initialsUFSMpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Agronomiapor
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIApor


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record


O Manancial - Repositório Digital da UFSM utiliza a versão 4.1 do software DSpace.
Av. Roraima, 1000. Cidade Universitária "Prof. José Mariano da Rocha Filho".
Bairro Camobi. CEP: 97.105-900. Santa Maria, RS, Brasil.