Show simple item record

dc.creatorOliveira, Daniele Carvalho de
dc.date.accessioned2008-02-15
dc.date.available2008-02-15
dc.date.issued2006-03-31
dc.identifier.citationOLIVEIRA, Daniele Carvalho de. DEVELOPMENT AND VALIDATION OF METHODS FOR EVALUATION OF FEXOFENADINE HYDROCHLORIDE. 2006. 113 f. Dissertação (Mestrado em Farmacologia) - Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria, 2006.por
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufsm.br/handle/1/5872
dc.description.abstractThe fexofenadina is an antihistamine non sedative that acts as antagonistic selective in the outlying receivers H1 of the histamine, being used in the symptomatic treatment of allergic manifestations as medication of first choice. The project in subject has the objective of to determine and to validate methods physical-chemistries, for the evaluation of fexofenadine hydrochloride in covered tablets, for liquid chromatographic of high efficiency and zone capillary electrophoresis, both with detection for diodo array detector, for ends of to accomplish dissolution studies and to compare the quantitative methods. The two quantitative methods presented linearity, accurate, precision, specificity and robust.Dissolution of tablets of 120 and 180 mg was realize utilizing distillate water, HCl 0.1 M, buffer phosphate pH 4.5 and buffer phosphate pH 6,8 with dissolution medium, using apparatus II. The dissolution profiles obtained of each medium were compared through the comparison factors: f1, f2 and ED. Different resultes were obted of the likeness the formulation.The method based on the application of ANOVA in the use of the dissolution efficiency (ED) it is more discriminative than the f-factors. If we used the factor f2 as comparison parameter, all the means don't present difference in the formulations, but only in the medium of HCl 0,1 M, the formulations showed similarity for the parameters f1, f2 and ED, allowing to affirm that the two formulations are similar and with same performance in alive. The described methods, HPLC and CEZ, availability for variance analysis, presented equivalence for quantification of fexofenadine hydrochloride.eng
dc.formatapplication/pdfpor
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de Santa Mariapor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectFexofenadinapor
dc.subjectCromatografia líquidapor
dc.subjectEletroforese capilar de zonapor
dc.subjectDissoluçãopor
dc.subjectFexofenadineeng
dc.subjectLiquid chromatographyeng
dc.subjectZone capillary electrophoresiseng
dc.subjectDissolutioneng
dc.titleDESENVOLVIMENTO E VALIDAÇÃO DE MÉTODOS PARA AVALIAÇÃO DE CLORIDRATO DE FEXOFENADINApor
dc.title.alternativeDEVELOPMENT AND VALIDATION OF METHODS FOR EVALUATION OF FEXOFENADINE HYDROCHLORIDEeng
dc.typeDissertaçãopor
dc.description.resumoA fexofenadina é um anti-histamínico não sedativo que age como antagonista seletivo nos receptores periféricos H1 da histamina, sendo usada no tratamento sintomático de manifestações alérgicas como medicamento de primeira escolha. O trabalho em questão tem o objetivo de determinar e validar metodologias físico-químicas, para a avaliação de cloridrato de fexofenadina em comprimidos revestidos por cromatografia líquida de alta eficiência e eletroforese capilar de zona, ambas com detecção por DAD, para fins de realizar estudos de dissolução e comparar as metodologias quantitativas. Os dois métodos quantitativos apresentaram-se lineares, específicos, exatos, precisos e robustos. A dissolução dos comprimidos de 120 e 180 mg foi realizada nos meios de água destilada, HCL 0,1 M, tampões fosfato pH 4,5 e pH 6,8, utilizando o métodos das pás. Os perfis de dissolução obtido para as formulações em cada meio foram comparados pelos fatores de comparação: f1, f2 e ED, apresentando resultados diferentes quanto à semelhança das formulações. O método baseado na aplicação de ANOVA na utilização da eficiência de dissolução (ED) é mais discriminativo que os f-fatores. Quando usamos o fator f2 como parâmetro de comparação, os meios não apresentaram diferença nas formulações, mas somente no meio de HCl 0,1 M, as formulações mostraram similaridade para os parâmetros f1, f2 e ED, podendo apresentar o mesmo desempenho in vivo. Possibilitando a realizado de estudo de biodisponibilidade apenas com a formulação de maior dosagem.Os métodos, CLAE eECZ, avaliados por análise de variância, apresentaram-se equivalentes para quantificação de cloridrato de fexofenadina.por
dc.contributor.advisor1Rolim, Clarice Madalena Bueno
dc.contributor.advisor1Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4771246E9por
dc.contributor.referee1Carvalho, Leandro Machado de
dc.contributor.referee1Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4795379U4por
dc.contributor.referee2Cardoso, Simone Gonçalves
dc.contributor.referee2Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4595183J5por
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.departmentFarmacologiapor
dc.publisher.initialsUFSMpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Ciências Farmacêuticaspor
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::FARMACOLOGIApor


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record


O Manancial - Repositório Digital da UFSM utiliza a versão 4.1 do software DSpace.
Av. Roraima, 1000. Cidade Universitária "Prof. José Mariano da Rocha Filho".
Bairro Camobi. CEP: 97.105-900. Santa Maria, RS, Brasil.