Show simple item record

dc.creatorHarb, Leandro José Corrêa
dc.date.accessioned2010-02-08
dc.date.available2010-02-08
dc.date.issued2009-12-18
dc.identifier.citationHARB, Leandro José Corrêa. In Vitro Evaluation of Accessory Furcations Canals of Permanent Mandibular Molars. 2009. 75 f. Dissertação (Mestrado em Odontologia) - Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria, 2009.por
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufsm.br/handle/1/6054
dc.description.abstractEvery endodontic treatment may lead to failures due to internal anatomical changes. Among these faults is the which links pulp chamber floor with the periodontium in the furcation area. So the purpose of this study was to evaluate the presence of this canal in 360 human permanent mandibular molars which were kept dehydrated, using four evaluation methods: radiography, naked eye (NE), dental microscope (DM) and clearing technique. The used methods (radiography and clearing) were compared to verify the presence of the furcation canal, and observed the presence of foramina through the methods (NE and DM) by the pulp chamber floor and by the furcation; as well they were compared to the results between the complete rhizogenesis groups and the incomplete ones. Three hundred and sixty mandibular molars were used that belong to the collection of the Dental Anatomy Course of the Morphology Department of UFSM, all of them with an intact pulp chamber floor and stored in dry containers. They were rehydrated, sectioned to 1,5 mm apically to the furcation and up to 0.5 mm of pulp chamber floor. After that, they were immersed in 1% sodium hypochlorite (24 hours), rinsed under running water and immersed again in 1% sodium hypochlorite in ultrasonic (10 minutes) followed by another rinsed under running water and dried at room temperature. Then they were stored individually in glass containers, numbered and capped. All evaluations were made by the one observer, being the radiography evaluation with for four samples radiographed on each piece of film with a magnifying glass (4x); the NE and DM (30x) with directional lighting in the sample; and clearing technique each sample in its container with liquid on a X-ray box and with the aid of DM (30x). Through the radiography analysis the furcation canal wasn't clear, but as a slightly radiolucent area in the furcation region in 9,04% of the samples, suspecting its presence in 2,33% and it was not found in 88,63%; through the clearing technique the canal was not found in 100%;to the NE were evident foramina in 20,9% of the furcation and 1,9% in the pulp chamber floor; through DM, 62,1% in the furcation and 5% in the pulp chamber floor. The RC group presented foramina in 61,1% in the furcation and 5,8% in the pulp chamber floor; the RI group with 64,7% in the furcation and 3% in the pulp chamber floor. Given the developed conditions in this work it's possible to conclude that radiographic evaluation really does not work as an effective means of diagnosis, but as an aid exam, important to schedule medical procedures. Observing the assessments by the NE and DM, the foramina number is much higher in the furcation than in the pulp chamber floor and can be sites of deposition of dental plaque, making cleaning more difficult in the area when exposed in the oral cavity, and there was no foramina incomplete rhizogenesis group, the use of dental microscope is an excellent tool for the visualization of dental anatomical details; the clearing technique is an excellent evaluation method, since we have the full three-dimensional visualization of internal dental anatomy, and there is a need of studying more about the use of stored dehydrated teeth in some of the methods of research.eng
dc.formatapplication/pdfpor
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de Santa Mariapor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectDefeitos na furcapor
dc.subjectAnatomia e histologiapor
dc.subjectDentes desmineralizadospor
dc.subjectRadiografiapor
dc.subjectMolarespor
dc.subjectFurcation defectseng
dc.subjectAnatomy and histologyeng
dc.subjectTooth desmineralizationeng
dc.subjectRadiographyeng
dc.subjectMolarseng
dc.titleAVALIAÇÃO IN VITRO DO CANAL CAVO-INTERRADICULAR EM MOLARES INFERIORpor
dc.title.alternativeIn Vitro Evaluation of Accessory Furcations Canals of Permanent Mandibular Molarseng
dc.typeDissertaçãopor
dc.description.resumoTodo tratamento endodôntico pode levar a insucessos devido às alterações anatômicas internas. Dentre estas está o canal cavo-interradicular, que comunica o assoalho da câmara pulpar com o periodonto na região da furca. Assim foi propósito deste trabalho avaliar a presença deste canal em 360 molares inferiores permanentes humanos que se encontravam armazenados desidratados, utilizando quatro métodos de avaliação: radiografias, a olho nu (ON), pelo microscópio odontológico (MO) e diafanização. Foram comparados os métodos (radiográfico e diafanização) utilizados para verificar a presença do canal cavo-interradicular; e observada a presença de foraminas através dos métodos (ON e MO) pelo assoalho da câmara pulpar e furca; bem como comparados os resultados entre os grupos de rizogênese completa (RC) e incompleta (RI). Foram utilizados 360 molares inferiores pertencentes ao acervo da Disciplina de Anatomia e Escultura Dental da UFSM, todos com assoalho da câmara pulpar intacto e armazenado em recipientes secos. Os mesmos foram rehidratados, seccionados, até 1,5 mm apicalmente à furca e até 0,5 mm do assoalho pulpar. Após, foram imersos em hipoclorito de sódio 1% (24h), lavados em água corrente e nova imersão em hipoclorito de sódio 1% em ultrassom (10 min.), seguida de nova lavagem em água corrente e secos à temperatura ambiente. Depois, foram armazenados individualmente em recipientes de vidro, numerados e tampados. Todas as avaliações foram feitas pelo mesmo operador, sendo a radiográfica com quatro amostras por película com uma lupa (4x); a ON e MO (30x) com iluminação artificial direcional na amostra; e pela diafanização cada amostra em seu recipiente com líquido, sobre um negatoscópio e com auxílio do MO (30x). Pela análise radiográfica o canal cavo-interradicular não se mostrou evidente, mas como uma zona levemente radiolúcida na região da furca em 9,04% das amostras; com suspeita da sua presença em 2,33% e não foi encontrado em 88,63%; pela diafanização, o canal não foi encontrado em 100%; a ON foram evidentes foraminas em 20,9% na furca e 1,9% no assoalho pulpar; pelo MO, 62,1% na furca e 5% no assoalho pulpar. O grupo RC apresentou foraminas em 61,1% na furca e 5,8% no assoalho pulpar; o grupo RI com 64,7% na furca e 3% no assoalho pulpar. Diante das condições desenvolvidas neste trabalho pode-se concluir que o exame radiográfico realmente não serve como um meio de diagnóstico efetivo, mas sim como um exame auxiliar, importante para programar procedimentos clínicos; pelas avaliações a ON e MO, o número de foraminas é bem maior na furca que no assoalho pulpar, podendo ser sítios de deposição de placa bacteriana, dificultando a limpeza da região quando exposta na cavidade bucal, e não houve maior número de foraminas no grupo rizogênese incompleta; o uso do microscópio odontológico é uma ferramenta excelente para visualização dos detalhes anatômicos dentários; a diafanização é um excelente método avaliativo, visto que temos a total visualização em terceira dimensão da anatomia interna dental; e que há necessidade de se estudar mais a respeito da utilização de dentes armazenados desidratados em algumas metodologias de pesquisas.por
dc.contributor.advisor1Braun, Katia Olmedo
dc.contributor.advisor1Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4703558D6por
dc.contributor.referee1Alvez, Carlos Sabú Rivas de
dc.contributor.referee1Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4732093H8por
dc.contributor.referee2Carvalho, Maria Gabriela Pereira de
dc.contributor.referee2Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4727516A6por
dc.creator.Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4205171T2por
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.departmentOdontologiapor
dc.publisher.initialsUFSMpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Ciências Odontológicaspor
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::ODONTOLOGIApor


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record


O Manancial - Repositório Digital da UFSM utiliza a versão 4.1 do software DSpace.
Av. Roraima, 1000. Cidade Universitária "Prof. José Mariano da Rocha Filho".
Bairro Camobi. CEP: 97.105-900. Santa Maria, RS, Brasil.