Show simple item record

dc.creatorCosta, Patricia Pereira
dc.date.accessioned2013-04-12
dc.date.available2013-04-12
dc.date.issued2011-03-01
dc.identifier.citationCOSTA, Patricia Pereira. Myofunctional Therapy Aprroach in Cases of Phonological, Phonetic and Phonetic/Phonological Disorders. 2011. 109 f. Dissertação (Mestrado em Fonoaudiologia) - Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria, 2011.por
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufsm.br/handle/1/6501
dc.description.abstractThe theme of this work is the application of myofunctional therapy in cases of phonetic, phonological and phonetic-phonological disorders. The central hypothesis of this study is that the adequacy of the stomatognathic system structures involved in the articulation of linguistic segments favor the adequacy of speech in cases of phonological, phonetic and phonetic-phonological disorders. Thus, this research aimed to determine the effects of the myofunctional therapy in cases of phonological, phonetic and phonetic-phonological, disorders. For this research, we selected subjects who were waiting in the queue service, of Service Speech Pathology, Federal University of Santa Maria, to provide speech and Orofacial the period March 2010 to August 2010. Inclusion criteria of this study were the presence of phonological, phonetic and phonetic-phonological, and sthomatognatic system disorders. It was considered as exclusion criteria the presence of malformations, genetic syndromes, suspected neurological disorders, cognitive or psychological disorders, hearing difficulties, diagnosis of language delay, speech therapy before, and malocclusion. To select the sample were performed the following procedures: medical history, assessment of the stomatognathic system, articulatory examination, otorrinological examination and hearing screening. Of 22 patients evaluated, six were in accordance with the selection criteria, two with phonological disorder, two with phonetic disorder, and two with phonetic-phonological disorder. With age between 6 and 13 years old. After the evaluations were carried out two therapys weekly, the exercises were for myofunctional adequacy of stomatognathic sistem alterations. Surveys every eight sessions of evaluating the evolution of the subjects on the stomatognathic system and speech. Based on the results of descriptive analysis was performed. After the myofunctional therapy, subjects who had phonological disorder and phonetic disorder had proper speech. One of the subjects who had phonetic-phonological disorder was not entirely proper speech. Regarding sound classes benefited, myofunctional after therapy, the appropriateness of the stomatognathic system, the liquid sounds were acquired, and fricative sounds were partially stabilized. It was concluded that the myofunctional therapy was efficient in cases of phonological, phonetic and phonetic-phonological disorders in the presence of sthomatic system disorders.eng
dc.formatapplication/pdfpor
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de Santa Mariapor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectFalapor
dc.subjectSistema estomatognáticopor
dc.subjectTranstornos da articulaçãopor
dc.subjectDistúrbios da falapor
dc.subjectReabilitação dos transtornos da fala e da linguagempor
dc.subjectSpeecheng
dc.subjectStomatognathic systemeng
dc.subjectArticulation disorderseng
dc.subjectSpeech disorderseng
dc.subjectRehabilitation of speech and language disorderseng
dc.titleAbordagem Terapêutica Miofuncional em Casos de Desvios Fonológico, Fonético e Fonético-Fonológicopor
dc.title.alternativeMyofunctional Therapy Aprroach in Cases of Phonological, Phonetic and Phonetic/Phonological Disorderseng
dc.typeDissertaçãopor
dc.description.resumoO tema do presente trabalho é a aplicação da terapia miofuncional em casos de desvios de fala com alteração do sistema estomatognático. A hipótese norteadora deste estudo é a de que a adequação das estruturas do sistema estomatognático envolvidos na articulação dos segmentos linguísticos favorecem a adequação da fala em todos os seus aspectos. Assim, a presente pesquisa teve como objetivo verificar os efeitos da abordagem terapêutica miofuncional em casos de desvios fonológicos, fonéticos e fonético-fonológicos. Para tal investigação, foram selecionados sujeitos que aguardavam atendimento na fila de espera do Serviço de Atendimento Fonoaudiológico da Universidade Federal de Santa Maria, que apresentassem alterações de fala e motricidade orofacial no período de Março de 2010 a Agosto de 2010. Como critérios de inclusão, fizeram parte deste estudo crianças com desvio fonológico, fonético e fonético-fonológico, e alterações do sistema estomatognático. Considerou-se como critério de exclusão a presença de malformações, síndromes genéticas, suspeita de alterações neurológicas, déficit cognitivo ou psicológico, presença de perda auditiva, diagnóstico fonoaudiológico de atraso de linguagem, terapia fonoaudiológica anterior, e alterações oclusais. Para seleção da amostra foram realizados os seguintes procedimentos: anamnese, avaliação do sistema estomatognático, exame articulatório, avaliação otorrinolaringológica e triagem auditiva. De 22 pacientes avaliados, seis sujeitos estavam de acordo com os critérios de seleção, sendo dois com desvio fonológico, dois com desvio fonético e dois com desvio fonético-fonológico. Estes sujeitos que compuserem a amostra eram de ambos os sexos, com idades entre seis e 13 anos. Após as avaliações foram realizados dois atendimentos fonoaudiológicos semanais, onde eram realizados exercícios miofuncionais para adequação das estruturas estomatognáticas alteradas. Foram realizadas sondagens a cada oito sessões de atendimento avaliando a evolução dos sujeitos quanto ao sistema estomatognático e fala. Com base nos resultados foi realizada análise descritiva. Após a terapia miofuncional, os sujeitos que apresentavam desvio fonológico e desvio fonético tiveram a fala adequada. Um dos sujeitos que apresentava desvio fonético-fonológico não teve a fala adequada totalmente. Em relação às classes de sons beneficiadas, após a terapia miofuncional, com a adequação do sistema estomatognático, os sons líquidos foram adquiridos, e os fricativos foram estabilizados parcialmente. Concluiu-se que a terapia miofuncional demonstrou-se eficiente em casos de desvio fonológico, fonético e fonético-fonológico na presença de alterações do sistema estomatognático.por
dc.contributor.advisor1Mezzomo, Carolina Lisbôa
dc.contributor.advisor1Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4779654H0por
dc.contributor.advisor-co1Keske-soares, Marcia
dc.contributor.advisor-co1Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4768009P6por
dc.creator.Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4427879Y8por
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.departmentFonoaudiologiapor
dc.publisher.initialsUFSMpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Distúrbios da Comunicação Humanapor
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::FONOAUDIOLOGIApor


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record


O Manancial - Repositório Digital da UFSM utiliza a versão 4.1 do software DSpace.
Av. Roraima, 1000. Cidade Universitária "Prof. José Mariano da Rocha Filho".
Bairro Camobi. CEP: 97.105-900. Santa Maria, RS, Brasil.