Show simple item record

dc.creatorSchneid, Eduardo
dc.date.accessioned2014-02-12
dc.date.available2014-02-12
dc.date.issued2013-02-06
dc.identifier.citationSCHNEID, Eduardo. WOOD POLES CHARACTERISATION FOR USE IN ELECTRICAL LINES. 2013. 87 f. Dissertação (Mestrado em Recursos Florestais e Engenharia Florestal) - Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria, 2013.por
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufsm.br/handle/1/8712
dc.description.abstractWood poles used in electrical lines were from Eucalyptus species. These poles should present adequate mechanical characteristics in order to ensure the security and structure of electrical lines. Wood poles should be treated with products able to protect the wood against insects and fungus to increase service life. Taking these into account, this study aims to evaluate mechanical properties of wood poles and qualify preservative treatment used in the wood poles. Mechanical evaluation of wood poles was performed through nondestructive tests of ultrasonic wave propagation and destructive tests according to NBR 6231 (ABNT, 1980) in order to establish a method to estimate mechanical properties through nondestructive tests. Preservative treatments through full-cell method were carried out for 60, 90 and 120 minutes with pressure of 10 and 12 kgf/cm2 using a CCA-C preservative solution. Tests of penetration and retention of the solution were performed to evaluating the preservative treatments. Chemical analysis of wood was done through extractives content, Klason lignin content and infrared spectroscopy (ATR-IR). The evaluation of mechanical properties showed not significant correlation coefficients between MOEeng. and dynamic modulus of elasticity, proving the inefficiency of nondestructive method in this study. The results of preservative treatments showed that CCA-C penetration on wood was deep and irregular in 50-70% of poles for both species. On the other hand, retention did not present the minimum value required by NBR 8456 (ABNT, 1984). This analysis showed that higher pressure and time of treatment, higher is CCA-C retention. Wood from both species presented similar results for extractives content and Klason lignin content. Infrared spectroscopy (ATR-IR) technique did not show a efficiency to predict the chemical modification in treated wood.eng
dc.description.sponsorshipCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior
dc.formatapplication/pdfpor
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de Santa Mariapor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectPropriedades mecânicaspor
dc.subjectPreservação da madeirapor
dc.subjectCCA-Cpor
dc.subjectMechanical propertieseng
dc.subjectWood preservationeng
dc.subjectCCA-Ceng
dc.titleCARACTERIZAÇÃO DE POSTES DE MADEIRA PARA USO NA REDE ELÉTRICApor
dc.title.alternativeWOOD POLES CHARACTERISATION FOR USE IN ELECTRICAL LINESeng
dc.typeDissertaçãopor
dc.description.resumoOs postes de madeira que são utilizados nas redes elétricas no Brasil são oriundos, na sua grande maioria, de madeira da espécie Eucalyptus. Esses postes devem apresentar características mecânicas adequadas garantindo segurança a estrutura das redes. Para garantir uma maior vida útil, a madeira dos postes deve receber tratamento preservativo com soluções capazes de resistir ataques de insetos e fungos degradadores da madeira. Sendo assim, o presente estudo tem por objetivo avaliar as propriedades mecânicas e qualificar o tratamento preservativo utilizado nos postes de madeira. A avaliação das propriedades mecânicas dos postes de madeira foi realizada por meio de testes não destrutivos de propagação de ondas de ultrassom e testes mecânicos destrutivos conforme a norma NBR 6231 (ABNT, 1980), a fim de estabelecer uma metodologia, com intuito de estimar as propriedades mecânicas da madeira por meio de ensaio não destrutivos. Também foram realizados tratamentos preservativos por meio do processo de célula cheia em períodos de 60, 90 e 120 minutos com pressão de 10 e 12 kgf/cm², utilizando a solução preservante Arseniato de Cobre Cromatado tipo C (CCA-C). Na avaliação do tratamento preservativo da madeira, foram realizados testes de penetração e retenção da solução preservativa. Ainda, realizaram-se análises químicas da madeira, por meio da quantificação de teor de extrativos, teor de lignina Klason e análises qualitativas com ensaios de espectroscopia no infravermelho (ATR-IR). Na avaliação das propriedades mecânicas dos postes de madeira, observaram-se coeficientes de correlação não significativos ente MOEeng. e módulo de elasticidade dinâmico, evidenciando a ineficiência do método não destrutivo no presente estudo. Os resultados para os tratamentos preservativos mostraram que a penetração do CCA-C na madeira foi profunda e irregular em 50 a 70% dos postes de ambas as espécies. Já as análises de retenção, mostraram que a maioria dos postes de madeira não apresentaram as retenções mínimas exigidas pela norma NBR 8456 (ABNT, 1984). Ainda, essas análises mostraram que quanto maior a pressão aplicada e maior o tempo de tratamento, melhores são os resultados para a retenção do CCA-C. As madeiras de ambas as espécies apresentaram resultados semelhantes tanto para o teor de extrativos quanto para o teor de lignina Klason. Já a técnica de espectroscopia no infravermelho (ATR-IR) não apresentou eficiência quanto à predição de modificações químicas na madeira tratada.por
dc.contributor.advisor1Gatto, Darci Alberto
dc.contributor.advisor1Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4777721A7por
dc.contributor.referee1Eleoterio, Jackson Roberto
dc.contributor.referee1Latteshttp://lattes.cnpq.br/8113619403351436por
dc.contributor.referee2Pires, Marcal Jose Rodrigues
dc.contributor.referee2Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4787820D9por
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/3199686109620444por
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.departmentRecursos Florestais e Engenharia Florestalpor
dc.publisher.initialsUFSMpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Engenharia Florestalpor
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::RECURSOS FLORESTAIS E ENGENHARIA FLORESTALpor


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record


O Manancial - Repositório Digital da UFSM utiliza a versão 4.1 do software DSpace.
Av. Roraima, 1000. Cidade Universitária "Prof. José Mariano da Rocha Filho".
Bairro Camobi. CEP: 97.105-900. Santa Maria, RS, Brasil.