Show simple item record

dc.contributor.advisorConstante, Sônia Elisabete
dc.creatorAraújo, Deize Albernaz de
dc.date.accessioned2014-03-24
dc.date.accessioned2014-03-24T12:04:06Z
dc.date.available2014-03-24T12:04:06Z
dc.date.issued2013
dc.date.submitted2014-03-24
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufsm.br/handle/1/131
dc.descriptionMonografia (especialização) - Universidade Federal de Santa Maria, Centro de Ciências Sociais e Humanas, Curso de Especialização em Gestão em Arquivos, EaD , RS, 2013.por
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de Santa Mariapor
dc.rights.uriOpen Accesseng
dc.subjectDocumentos técnicos de engenhariapor
dc.subjectPreservação digitalpor
dc.subjectAssinatura digitalpor
dc.subjectDocumentos permanentespor
dc.titleAssinatura digital em documentos técnicos de engenhariapor
dc.typeTrabalho de Conclusão de Curso de Especializaçãopor
dc.degree.localPolo de Cachoeira do Sul, RS, Brasilpor
dc.degree.levelEspecializaçãopor
dc.degree.specializationGestão em Arquivos- EaDpor
dc.description.resumoCom o objetivo de garantir mais rapidez ao processo de produção e emissão de documentos, muitas empresas de engenharia têm adotado a assinatura digital como forma de aprovar a documentação técnica produzida em todo o ciclo de vida da construção de empreendimentos. Após a construção, é necessário que a documentação técnica esteja disponível e acessível a todos os atores que precisarem efetuar qualquer tipo de manutenção ou ampliação da planta, enquanto existir a unidade operacional (plataformas, refinarias, gasodutos, etc.). Por seu valor histórico, a documentação técnica tem guarda permanente e é considerada a memória técnica das empresas de engenharia. Contudo, ao permitir que estes documentos sejam assinados eletronicamente, estas empresas não refletem sobre as consequências que a adoção de assinatura digital em documentos eletrônicos pode trazer aos documentos de guarda permanente. Por este motivo, realizou-se uma pesquisa descritiva, buscando identificar e analisar os riscos e ameaças desta adoção, para, em seguida, recomendar medidas que minimizem eventuais danos, visando o acesso em longo prazo e, consequentemente, a garantia da memória técnica destas empresas à luz dos principais estudos existentes no momento sobre este tema.por
dc.publisher.unidadeCentro de Ciências Sociais e Humanaspor


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

  • Gestão em Arquivos - EaD [201]
    Coleção de trabalhos de conclusão do Curso de Especialização em Gestão em Arquivos - EaD

Show simple item record


O Manancial - Repositório Digital da UFSM utiliza a versão 4.1 do software DSpace.
Av. Roraima, 1000. Cidade Universitária "Prof. José Mariano da Rocha Filho".
Bairro Camobi. CEP: 97.105-900. Santa Maria, RS, Brasil.