Show simple item record

dc.contributor.advisorKonrad, Diorge Alceno
dc.creatorCignachi, Henrique
dc.date.accessioned2018-07-26T13:00:27Z
dc.date.available2018-07-26T13:00:27Z
dc.date.issued2011-11-30
dc.date.submitted2011
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufsm.br/handle/1/13918
dc.descriptionMonografia (especialização) - Universidade Federal de Santa Maria, Centro de Ciências Sociais e Humanas, Curso de Especialização em História do Brasil, RS, 2011.por
dc.description.abstractThis monograph aims to present a brief synthesis effort to understand the political role of the category of railroad workers of Rio Grande do Sul, with a focus in the city of Santa Maria, the main railway junction of the State, from 1917 - when there was a large and massive railway strike against exploitation of the foreign company, the Compagnie des Chemins du Fer Auxiliaire au Bresil - until 1936, when he developed another wall, which was born at the base, without support of the “official” union against breaking wage agreement with the State Government of Flores da Cunha. This thesis also seeks to understand the political strategies adopted by this category in the context of the class struggle of the period cut, understanding that this study illustrates an example of the role of workers in their struggles during the twentieth century.eng
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de Santa Mariapor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.rightsAttribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International*
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/*
dc.subjectGrevespor
dc.subjectMovimento operáriopor
dc.subjectFerroviáriospor
dc.subjectSanta Mariapor
dc.subjectStrikeeng
dc.subjectWorking-class movementeng
dc.subjectRailroad workerseng
dc.titleOs operários da Viação Férrea do Rio Grande do Sul: entre a radicalização e o consenso (1917-1936)por
dc.title.alternativeThe workers of the viação férrea do Rio Grande do Sul: between radicalization and consensuseng
dc.typeTrabalho de Conclusão de Curso de Especializaçãopor
dc.degree.localSanta Maria, RS, Brasilpor
dc.degree.specializationHistória do Brasilpor
dc.description.resumoEsta monografia busca apresentar um breve esforço de síntese para a compreensão da atuação política da categoria dos operários da Viação Férrea do Rio Grande do Sul, com foco na cidade de Santa Maria, principal entroncamento ferroviário do Estado, no período de 1917 – momento em que ocorreu uma grande e massiva greve dos ferroviários contra a exploração da empresa estrangeira, a Compagnie Auxiliaire des Chemins du Fer au Bresil –, até 1936, quando se desenvolveu outra parede, que nasceu nas bases, sem apoio do sindicato “oficial”, contra a quebra de acordo salarial com o Governo Estadual de Flores da Cunha. Esta monografia busca, também, entender as estratégias políticas adotadas por esta categoria no contexto da luta de classes do período recortado, entendendo que este estudo ilustra um exemplo da atuação dos trabalhadores em suas lutas durante o Século XX.por
dc.publisher.countryBrasilpor
dc.publisher.initialsUFSMpor
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS HUMANAS::HISTORIApor
dc.publisher.unidadeCentro de Ciências Sociais e Humanaspor


Files in this item

Thumbnail
Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

  • História do Brasil [51]
    Coleção dos trabalhos de conclusão do Curso de Especialização em História do Brasil

Show simple item record

Acesso Aberto
Except where otherwise noted, this item's license is described as Acesso Aberto

O Manancial - Repositório Digital da UFSM utiliza a versão 4.1 do software DSpace.
Av. Roraima, 1000. Cidade Universitária "Prof. José Mariano da Rocha Filho".
Bairro Camobi. CEP: 97.105-900. Santa Maria, RS, Brasil.