Show simple item record

dc.contributor.advisorWeiller, Teresinha Heck
dc.creatorSantos, Vinícius Marangon
dc.date.accessioned2020-09-14T12:55:53Z
dc.date.available2020-09-14T12:55:53Z
dc.date.issued2020-03-13
dc.date.submitted2020
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufsm.br/handle/1/19981
dc.descriptionMonografia (especialização) - Universidade Federal de Santa Maria, Centro de Ciências da Saúde, Curso de Especialização em Residência Multiprofissional Integrada em Sistema Público de Saúde, RS, 2020.por
dc.description.abstractIn order to qualify the Primary Health Care services in Brazil, the National Council of Health Secretaries (CONASS) suggested changes in work and management processes, in the form of Planning Workshops for Health Care. A pilot project of this strategy was put into practice in the municipalities of the 4th Health Regional Coordination in the estate of Rio Grande do Sul (4ªCRS/RS), in 2015. In 2019, this proposed strategy demanded an evaluation, which was not possible using the available instruments. Results: an assessment instrument for the processes of Health Care Planning was designed, concluded with 121 items, divided into six thematic blocks that were subdivided into the Structure, Process and Result axes. Discussion: in a context of changes in the work and management processes of the Brazilian public health system, it is necessary to assess the results of the proposed strategies. In order to develop an instrument to allow this assessment, base documents of the strategy were used, and professionals who work with this theme suggested adaptations to bring it closer to the reality of the region, therefore developing the evaluative culture of strategies and services in the public Health System. Conclusion: including professionals involved in the strategy to the evaluation process, an effective self-assessment is allowed, which will collaborate for the qualification of the Public Health System.eng
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de Santa Mariapor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.rightsAttribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International*
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/*
dc.subjectAtenção primária à saúdepor
dc.subjectAvaliação em saúdepor
dc.subjectDiabetes mellituspor
dc.subjectHipertensãopor
dc.subjectProcesso de trabalhopor
dc.subjectMultiprofissionalidadepor
dc.subjectPrimary health careeng
dc.subjectHealth evaluationeng
dc.subjectHypertensioneng
dc.titleInstrumento avaliativo das linhas de cuidado: hipertensão arterial e diabetes mellitus sob a perspectiva da planificação da atenção à saúdepor
dc.title.alternativeElaboration of an assessment instrument of the care lines: arterial hypertension and diabetes mellitus under the perspective of health care planningeng
dc.typeTrabalho de Conclusão de Curso de Especializaçãopor
dc.degree.localSanta Maria, RS, Brasilpor
dc.degree.specializationResidência Multiprofissional Integrada em Sistema Público de Saúdepor
dc.description.resumoCom o objetivo de qualificar a Atenção à Saúde, foi sugerida pelo Conselho Nacional de Secretários de Saúde (CONASS) uma proposta de mudanças nos processos de trabalho e gestão, denominada Planificação da Atenção à Saúde. Um projeto piloto desta estratégia iniciou-se em 2015 nos municípios da 4ª Coordenadoria Regional da Saúde do estado do Rio Grande do Sul. No ano de 2019, percebeu-se necessária a avaliação dos avanços da proposta nos municípios, o que não era possível com os instrumentos disponíveis. Resultado: foi elaborado um instrumento avaliativo, finalizado com 121 itens, divididos entre seis blocos temáticos que foram subdivididos nos eixos Estrutura, Processo e Resultado. Discussão: em um contexto de mudanças no processo de trabalho e na gestão do sistema público de saúde brasileiro, é necessário avaliar os resultados das estratégias propostas. Para elaborar um instrumento que permita esta avaliação, utilizaram-se como referência documentos base da Planificação em Saúde e sugestões de adaptação realizadas por servidores que trabalham com a temática, com o objetivo de desenvolver a cultura avaliativa de estratégias e serviços na região de estudo. Conclusão: com a inclusão dos profissionais envolvidos na Planificação em Saúde no processo avaliativo, permite-se uma autoavaliação efetiva, que colaborará para a qualificação do sistema público de saúde.por
dc.publisher.countryBrasilpor
dc.publisher.initialsUFSMpor
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS DA SAUDEpor
dc.publisher.unidadeCentro de Ciências da Saúdepor


Files in this item

Thumbnail
Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Acesso Aberto
Except where otherwise noted, this item's license is described as Acesso Aberto

O Manancial - Repositório Digital da UFSM utiliza a versão 4.1 do software DSpace.
Av. Roraima, 1000. Cidade Universitária "Prof. José Mariano da Rocha Filho".
Bairro Camobi. CEP: 97.105-900. Santa Maria, RS, Brasil.