Show simple item record

dc.contributor.advisorPerez, Reginaldo Teixeira
dc.creatorLins, Luiza Cristina de Oliveira
dc.date.accessioned2016-12-30T12:55:18Z
dc.date.available2016-12-30T12:55:18Z
dc.date.issued2008-11-08
dc.date.submitted2008
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufsm.br/handle/1/2454
dc.descriptionMonografia (especialização) - Universidade Federal de Santa Maria, Centro de Ciências Sociais e Humanas, Curso de Especialização em Pensamento Político Brasileiro, RS, 2008.por
dc.description.abstractThe purpose of this study is to contribute to an assessment of the Celso Furtado’s thinking importance in the working method’s elucidation of the capitalist system’s peripheral economies, particularly in Brazil. His proposal shows, as a major contribution of this author, the formulation of dynamic economic development in order to explain how this was done in less developed countries of the system. To that end, it is addressed the process of industrialization occurred in dependent countries and its peculiarities, that were identified by Furtado as obstacles to economic growth combined with development. In this regard, the issues related to labor productivity and capital accumulation in the context of late industrialization were examined, and the themes related to the income concentration, the propositions concerning to this distribution and the points concerning the real wage were analyzed. The election of those issues is explained by their fundamental importance to the development, in Furtado’s view, in the sense that the optimal combination of productive factors that cause the increases in productivity and enables the accumulation of capital consist in the own development and the produced growth of real income and the its subsequent distribution determine the progress direction. In the investigation it was tried to articulate the way how these factors happened in developed and underdeveloped countries, emphasizing the observed differences. The purpose was to highlight how the author understood the economic development and underdevelopment and to identify which ideology he took part, showing evidence of structuralist elements and which developmental policy he defended. It was also reported Furtado’s perception about strategies for underdevelopment overcoming, emphasizing the need of society transformation and economic objectives through political reforms as a tool for solving the underdevelopment dilemmas.eng
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de Santa Mariapor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectDesenvolvimentopor
dc.subjectEconomias periféricaspor
dc.subjectIndustrializaçãopor
dc.titleO pensamento de Celso Furtado: uma análise do (sub)desenvolvimento - produtividade, acumulação e distribuição de rendapor
dc.typeTrabalho de Conclusão de Curso de Especializaçãopor
dc.degree.localSanta Maria, RS, Brasil.por
dc.degree.specializationPensamento Político Brasileiropor
dc.description.resumoA finalidade deste estudo é contribuir para uma avaliação da importância do pensamento de Celso Furtado na elucidação do funcionamento das economias periféricas do sistema capitalista, em especial a brasileira. Sua proposição demonstra, como grande contribuição deste autor, a formulação da dinâmica do desenvolvimento econômico de modo a explicar a maneira como este se processou nos países menos avançados do sistema. Para tanto, abordou-se o processo de industrialização ocorrido nos países dependentes e suas especificidades que eram apontadas por Furtado como obstáculos ao crescimento econômico conjugado com desenvolvimento. Sob esse aspecto, foram examinadas as questões referentes à produtividade do trabalho e à acumulação de capital no contexto da industrialização tardia, e foram avaliados os temas referentes à concentração de renda, as teses relativas à distribuição desta e os pontos concernentes ao salário real. A eleição dessas questões explica-se por serem elas fundamentais para o desenvolvimento, no ponto de vista de Furtado, no sentido de que a combinação ótima dos fatores produtivos que causa os aumentos de produtividade e possibilita a acumulação de capital consiste no próprio desenvolvimento e o crescimento da renda real gerado e sua posterior repartição determinam o sentido do progresso. Na investigação procurou-se articular a maneira como se apresentavam esses fatores nos países desenvolvidos e subdesenvolvidos, ressaltando as diferenças observadas. Buscouse destacar o modo como o autor compreendia o desenvolvimento e o subdesenvolvimento econômico e identificar a ideologia à qual tomava parte, evidenciando elementos estruturalistas e da política desenvolvimentista por ele defendidos. Foi relatada também a percepção de Furtado com relação às estratégias de superação ao subdesenvolvimento, enfatizando a necessidade de transformação da sociedade e dos objetivos econômicos por meio das reformas políticas como instrumento decisivo para a solução dos impasses do subdesenvolvimento.por
dc.publisher.unidadeCentro de Ciências Sociais e Humanaspor


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record


O Manancial - Repositório Digital da UFSM utiliza a versão 4.1 do software DSpace.
Av. Roraima, 1000. Cidade Universitária "Prof. José Mariano da Rocha Filho".
Bairro Camobi. CEP: 97.105-900. Santa Maria, RS, Brasil.