Show simple item record

dc.contributor.advisorHillig, Clayton
dc.creatorSena, Maurício Machado
dc.date.accessioned2017-07-17T12:37:04Z
dc.date.available2017-07-17T12:37:04Z
dc.date.issued2017-01-18
dc.date.submitted2017
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufsm.br/handle/1/3107
dc.descriptionMonografia (especialização) - Universidade Federal de Santa Maria, Centro de Ciências Rurais, Curso de Especialização em Educação Ambiental, RS, 2017por
dc.description.abstractThe present work investigate, from a sustainability perspective, the contribution of family farmers in the agroecological transition, from the Central Territory Region to the teaching/learning processes in agroecology. We present elements that seek to highlight the importance of farmers' experiences, as well as their relationship with agroecosystems, in the construction and exchange of knowledge and learning. This work was elaborated from the analysis of dialogues and relationships that were presented in this material from the methodology Marc for the Evaluation of Natural Resource Management Systems incorporating Sustainability Indicators, or MESMIS. This activity was accomplished by the Center for Studies in Agroecology, Agrobiodiversity and Sustainability Prof. José Antônio Costabeber, from December 2013. The research uses documentaries, interviews, photographs and audiovisual material collected between April 2015 and June 2016. Currently, eight (8) agroecosystems still contributing to the work related to the methodology. And from this group we present the research questioning how cultural diversity, production strategies, concepts on agroecology and the environmental issue contribute to the maintenance of sustainability. We also present the importance of participatory methodologies and the permanent questioning of the scientific paradigm as essential for the production of relevant research and works that value the farmer's experience.eng
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de Santa Mariapor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.rightsAttribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International*
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/*
dc.subjectSustentabilidadepor
dc.subjectAgroecologiapor
dc.subjectMetodologias participativaspor
dc.subjectMESMIS (Marco para la Evaluación de Sistemas de Manejo de Recursos Naturales incorporando Indicadores de Sustentabilidad)por
dc.titleSustentabillidade e metodologias participativas: a experiência dos agricultores participantes da metodologia MESMIS na região central do RSpor
dc.typeTrabalho de Conclusão de Curso de Especializaçãopor
dc.degree.localSanta Maria, RS, Brasil.por
dc.degree.specializationEducação Ambientalpor
dc.description.resumoO presente trabalho investiga, sob a perspectiva da sustentabilidade, a contribuição dos agricultores familiares em transição Agroecológica, da Região do Território Central, para os processos de ensino/aprendizagem em Agroecologia. Apresentamos elementos que buscam evidenciar a importância das experiências dos agricultores, bem como sua relação com os agroecossistemas, na construção e intercâmbio de saberes e conhecimentos. Esse trabalho foi elaborado a partir da análise de diálogos, e relações, que se apresentaram a partir da metodologia Marco para la Evaluación de Sistemas de Manejo de Recursos Naturales incorporando Indicadores de Sustentabilidad, ou MESMIS. Essa atividade foi desempenhada pelo Núcleo de Estudos em Agroecologia, Agrobiodiversidade e Sustentabilidade Prof. José Antônio Costabeber, iniciando em dezembro de 2013. A pesquisa se utiliza de documentos, entrevistas, fotografias e material audiovisual recolhidos entre abril de 2015 e junho de 2016. Sendo que atualmente permanecem contribuindo para os trabalhos relativos à metodologia oito (08) agroecossistemas em transição agroecológica. E a partir desse grupo apresentamos a pesquisa questionando como a diversidade cultural, as estratégias de produção, as concepções a respeito da Agroecologia e da questão ambiental contribuem para a manutenção da sustentabilidade. Também apresentamos a importância das metodologias participativas, e do permanente questionamento do paradigma científico, como essenciais para a produção de pesquisas e trabalhos relevantes que valorizem a experiência do agricultor.por
dc.publisher.countryBrasilpor
dc.publisher.initialsUFSMpor
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAOpor
dc.publisher.unidadeCentro de Ciências Ruraispor


Files in this item

Thumbnail
Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

  • Educação Ambiental [141]
    Coleção de trabalhos de conclusão do Curso de Especialização em Educação Ambiental

Show simple item record

Acesso Aberto
Except where otherwise noted, this item's license is described as Acesso Aberto

O Manancial - Repositório Digital da UFSM utiliza a versão 4.1 do software DSpace.
Av. Roraima, 1000. Cidade Universitária "Prof. José Mariano da Rocha Filho".
Bairro Camobi. CEP: 97.105-900. Santa Maria, RS, Brasil.