Show simple item record

dc.creatorMiguel, Pablo
dc.date.accessioned2017-04-05
dc.date.available2017-04-05
dc.date.issued2013-04-19
dc.identifier.citationMIGUEL, Pablo. Pedogeochemical and mineralogical variables in the identification of sources of sediments in a basin of hillside. 2013. 98 f. Tese (Doutorado em Agronomia) - Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria, 2013.por
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufsm.br/handle/1/3341
dc.description.abstractInadequate land use, ignoring its agricultural fitness can, in a short time, transform thousands of hectares in fragile systems highly susceptible to degradation processes. The use of the fingerprinting method in the identification of sediment sources has been efficient and there are many studies in the international literature proving its effectiveness. In Brazil, the studies in the matter are still incipient, but have demonstrated efficiency in detecting changes in the proportion of contribution of the sources in the production of sediments. Among the variables used in this method, there are some minerals that are used as tracers of soil erosion, due to their high stability in the environment and magnetism property. However, the use of mineralogy together with models of erosion prediction as well as in the identification of sources of sediment production is not common. The objective of this work was to estimate the proportion of contribution of two groups of sources, road+channels+grid and superficial+subsuperficial, in the production of sediments in a watershed slope. For this purpose, two groups of variables were tested, pedogeochemical and pedogeochemical+mineralogical to compose the prediction models. For the identification of the sources the fingerprinting method was used, which compares the soils of different sources and the sediments that are found in suspension in the drainage channel, using tracing variables. It was possible to identify the contribution of each one of the groups of sources of sediment production in the Vacacaí-Mirim River basin, except in the T1point. In this point the scale was determining in the result, due to the low number of samples of this sub-basin. The greatest contributions in the production of sediments came from superficial erosion of the soil. The use of an only group of variables to compose the model of identification of sources, suppressing variables that generate uncertainty, has led to more coherence in the presented results and reduced the space-time variability of the analysis. The roads were presented as a potential source of erosion in the basin. The adding of mineralogical variables improved the results, decreasing the errors. However, using only one group of variables for the prediction model did not lead to any significant change in the results.eng
dc.description.sponsorshipCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior
dc.formatapplication/pdfpor
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de Santa Mariapor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectFingerprintingpor
dc.subjectElementos traçadorespor
dc.subjectErosão hídricapor
dc.subjectÁreas de encostapor
dc.subjectMineralogiapor
dc.subjectFingerprintingeng
dc.subjectTracer elementseng
dc.subjectErosioneng
dc.subjectHillside areaseng
dc.subjectMineralogyeng
dc.titleVariáveis pedogeoquímicas e mineralógicas na identificação de fontes de sedimentos em uma bacia hidrográfica de encostapor
dc.title.alternativePedogeochemical and mineralogical variables in the identification of sources of sediments in a basin of hillsideeng
dc.typeTesepor
dc.description.resumoO uso da terra de maneira inadequada, ignorando sua aptidão agrícola, em pouco tempo pode transformar milhares de hectares em sistemas frágeis altamente suscetíveis aos processos de degradação. A utilização do método fingerprinting na identificação de fontes de sedimentos, tem se mostrado eficiente e há um grande número de trabalhos na literatura internacional comprovando sua eficácia. No Brasil, os trabalhos dessa natureza ainda são incipientes, porém, demonstram eficiência em detectar alterações na proporção de contribuição das fontes na produção sedimentos. Dentre as variáveis usadas por este método, estão alguns minerais, usados como traçadores de erosão do solo, devido a sua elevada estabilidade no ambiente e propriedade de magnetismo. No entanto, não é comum o uso da mineralogia aliada a modelos de predição de erosão do solo tão pouco na identificação de fontes de produção de sedimentos. O objetivo desse trabalho foi estimar a proporção de contribuição de dois conjuntos de fontes, estrada+canais+malha e superficial+subsuperficial, na produção de sedimentos em uma bacia hidrográfica de encosta. Para tanto, foram testados dois conjuntos de variáveis, pedogeoquímicas e pedogeoquímicas+mineralógicas para compor os modelos de predição. Para a identificação das fontes foi utilizado o método fingerprinting que compara os solos de diferentes fontes e os sedimentos que são encontrados em suspensão no canal de drenagem, usando variáveis traçadoras. Foi possível identificar a contribuição de cada um dos conjuntos de fontes de produção de sedimentos na bacia hidrográfica do Rio Vacacaí-Mirim, exceto para o ponto T1. Para esse ponto a escala foi determinante no resultado, pelo baixo número de amostras referentes a essa sub-bacia. As maiores contribuições na produção de sedimentos provem da erosão superficial do solo. A utilização de um único conjunto de variáveis para compor o modelo de identificação de fontes, suprimir variáveis que geravam incertezas, fez com que os resultados apresentados fossem mais coerentes e reduziu a variabilidade espacial e temporal da análise. As estradas se apresentam como fonte potencial de erosão na bacia. As adições de variáveis mineralógicas melhoraram os resultados, diminuindo os erros. No entanto, usando somente um único conjunto de variáveis para o modelo de predição não houve nenhuma mudança significativa nos resultados.por
dc.contributor.advisor1Dalmolin, Ricardo Simão Diniz
dc.contributor.advisor1Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4760008Z3por
dc.contributor.referee1Minella, Jean Paolo Gomes
dc.contributor.referee1Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4760855H0por
dc.contributor.referee2Pedron, Fabrício de Araújo
dc.contributor.referee2Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4702731A2por
dc.contributor.referee3Pinto, Luiz Fernando Spinelli
dc.contributor.referee3Latteshttp://lattes.cnpq.br/1335865923064627por
dc.contributor.referee4Pes, Luciano Zucuni
dc.contributor.referee4Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4715914T9por
dc.creator.Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4711590Y7por
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.departmentAgronomiapor
dc.publisher.initialsUFSMpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Ciência do Solopor
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA::CIENCIA DO SOLOpor


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record


O Manancial - Repositório Digital da UFSM utiliza a versão 4.1 do software DSpace.
Av. Roraima, 1000. Cidade Universitária "Prof. José Mariano da Rocha Filho".
Bairro Camobi. CEP: 97.105-900. Santa Maria, RS, Brasil.