Show simple item record

dc.contributor.advisorCordenonsi, Andre Zanki
dc.creatorNetto, Adriana Herkert
dc.date.accessioned2014-09-03T15:05:51Z
dc.date.available2014-09-03T15:05:51Z
dc.date.issued2012-12-22
dc.date.submitted2012
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufsm.br/handle/1/423
dc.descriptionMonografia (especialização) - Universidade Federal de Santa Maria, Centro de Ciências Sociais e Humanas, Curso de Especialização de Gestão em Arquivos, EaD, RS, 2012.por
dc.description.abstractCurrently, many organizations are implementing computerized systems in order to make its administrative processes more agile, being in most cases, taken into account only the technological aspects. What can cause many losses, including: unreliable information, inauthentic, disposal or invalidation only documentary records, gaps in organizational history and financial losses. Thus, this research sought to gather knowledge and presents them as a way to contextualize the archival management in computer systems can collaborate to maintain the authenticity and reliability of digital documents, that the administration has at his disposal whenever necessary access information integrity. Therefore, we analyzed the views of different authors, the Brazilian Standards (NBR) ISO/ IEC 17799: 2005 and ISO/ IEC 27001: 2006, and the recommendations of CONARQ related to this issue. Thus, the study was conducted in the form of Bibliographic Search. Based on the different viewpoints gathered and analyzed, it was concluded that the actions of the Archivist in conjunction with the professional technology enables the development/adaptation of information system, based on business needs, and in compliance with the legal factors involved. Finally, that no computer system is completely free from frailties. However, with the establishment of information security policies aligned with organizational reality, and in synergy with a SIGAD, properly structured, can substantially reduce the chances of the organization has compromised the authenticity and/or trustworthiness of their records. Key-words: digital archivistic document; authenticity; reliability.eng
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de Santa Mariapor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectDocumento arquivístico digitalpor
dc.subjectAutenticidadepor
dc.subjectConfiabilidadepor
dc.titleA contextualização da gestão arquivística de documentos com ênfase na autenticidade e confiabilidade dos documentos digitaispor
dc.typeTrabalho de Conclusão de Curso de Especializaçãopor
dc.degree.localPolo de Restinga Seca, RS, Brasilpor
dc.degree.specializationGestão em Arquivos, EaDpor
dc.description.resumoAtualmente, muitas organizações estão implementando sistemas informatizados, visando tornar seus processos administrativos mais ágeis, sendo na maioria dos casos, levado em conta somente os aspectos tecnológicos. O que pode ocasionar inúmeros prejuízos, dentre eles: informações não confiáveis, não autênticas, descarte ou invalidação de registros documentais únicos, lacunas na história organizacional e prejuízos financeiros. Diante disso, esta pesquisa buscou reunir conhecimentos e apresenta-los de forma a contextualizar como a gestão arquivística em sistemas informatizados pode colaborar para manter a autenticidade e a confiabilidade dos documentos digitais, para que a administração tenha a sua disposição sempre que necessário acesso a informações íntegras. Para tanto, foram analisados os pontos de vista de diferentes autores, as Normas Brasileiras (NBR) ISO/ IEC 17799: 2005 e ISO/ IEC 27001: 2006, e as recomendações do CONARQ relacionadas a esse tema. Assim, o estudo foi conduzido sob a forma de Pesquisa Bibliográfica. Com base nos diferentes pontos de vista reunidos e analisados, concluiu-se que a atuação do arquivista em conjunto com os profissionais de tecnologia possibilita o desenvolvimento/adequação do sistema de informação, tendo como base as necessidades da empresa, e em observância aos fatores legais envolvidos. Por fim, que nenhum sistema informatizado será completamente livre de fragilidades. Entretanto, com o estabelecimento de políticas de segurança da informação alinhadas à realidade organizacional, e em sinergia com um SIGAD, adequadamente estruturado, pode-se diminuir substancialmente as possibilidades da organização ter comprometida a autenticidade e/ou confiabilidade de seus documentos arquivísticos.por
dc.publisher.unidadeCentro de Ciências Sociais e Humanaspor


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

  • Gestão em Arquivos - EaD [245]
    Coleção de trabalhos de conclusão do Curso de Especialização em Gestão em Arquivos - EaD

Show simple item record


O Manancial - Repositório Digital da UFSM utiliza a versão 6.3 do software DSpace.
Av. Roraima, 1000. Cidade Universitária "Prof. José Mariano da Rocha Filho".
Bairro Camobi. CEP: 97.105-900. Santa Maria, RS, Brasil.