Show simple item record

dc.creatorAlves, Nára Beatriz Chaves
dc.date.accessioned2013-04-02
dc.date.available2013-04-02
dc.date.issued2012-08-30
dc.identifier.citationALVES, Nára Beatriz Chaves. SUSTAINABILITY STRATEGIES AND IDENTITY OF NGOS ADVISORY OF RURAL IN CONTEXT CONTRACTUALIST. 2012. 167 f. Dissertação (Mestrado em Agronomia) - Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria, 2012.por
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufsm.br/handle/1/8880
dc.description.abstractFrom the 90, the State began to decline public services to be executed by civil associations often tucked the notion of Third Sector . In the context of rural development and, more specifically, land reform in the state of Rio Grande do Sul, Incra has hired NGOs to provide technical assistance to settlers and the repercussions of this neu configuration, to the political project of these organizations is not know. This research addresses the issue by performing a contrast of the possibilities of civil society in social critique and change, identified by literature review, with the trajectory of performance of a rural NGO advisory, the Centre for Alternative Technology Popular (Cetap), non-governmental organization created in 1986, with headquarters in Passo Fundo, RS. The case was deal with Cetap qualitative approach, resorting to the literature search, consultation documents, analysis of legislation and conducting semi-structured interviews. The original Cetap s mission stimulate small farms through social organization, encouraging the production so that your organization will guarantee the sustainability and identified themselves and we identified three phases in its history: pre-institucionalization, acting as a center for research, training, demonstration and how NGOs socioambiental and comparative phases shows that networks and parthnerships area shown as essential to defining their lines of action. In its path were marked with the approximations Church, social movements, Network Future Earth and State. The acting in contract began in 2009 to provide services for Ates, Incra and is developed in tandem with other lines of work. The acting in the Ates is seen as converging with the political project of the organization but implies relative loss of autonomy in planning actions. There is a recognition that organizational sustainability implies the need for constant review of its guidelines and that experiences a moment where such revisions are timely.eng
dc.description.sponsorshipCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior
dc.formatapplication/pdfpor
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de Santa Mariapor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectONGs de assessoria ruralpor
dc.subjectTerceiro setorpor
dc.subjectContratualizaçãopor
dc.subjectNGO advisory ruraleng
dc.subjectThird sectoreng
dc.subjectContractingeng
dc.titleEstratégias de sustentabilidade e identidade das ONGs de assessoria rural num contexto contratualistapor
dc.title.alternativeSustainability strategies and identity of NGOS advisory of rural in context contractualisteng
dc.typeDissertaçãopor
dc.description.resumoA partir da década de 90, o Estado passou a declinar serviços públicos não exclusivos para serem executados pelo associativismo civil muitas vezes abrigado sob a noção de Terceiro Setor . No âmbito do desenvolvimento rural e, mais especificamente, da reforma agrária, no estado do Rio Grande do Sul, o Incra vem contratando Organizações Não Governamentais (ONGs) para a prestação de serviços de assistência técnica para assentados, e a repercussão dessa nova configuração para o projeto político dessas organizações não é conhecida. Essa pesquisa aborda essa questão realizando uma contraposição das possibilidades da sociedade civil na crítica e mudança social, identificadas por revisão bibliográfica, com a trajetória de atuação de uma ONG de assessoria rural, o Centro de Tecnologias Alternativas Populares (Cetap), organização não governamental criada em 1986, com sede em Passo Fundo, RS. O caso do Cetap foi abordado com enfoque qualitativo, recorrendo-se à pesquisa bibliográfica, consulta de documentos, análise de legislação e realização de entrevistas semiestruturadas. O Cetap tem como missão, no projeto original, estimular o pequeno agricultor, através da organização social e do incentivo à produção, de modo que sua organização lhe garantisse a sustentabilidade. Identificaram-se três fases em sua trajetória: pré-institucionalização, atuação como centro de pesquisa, experimentação, formação e demonstração e como ONG socioambiental. O comparativo entre as fases evidencia que as redes e parcerias mostram-se como essenciais à definição de suas linhas de atuação. Em sua trajetória, foram marcantes as aproximações com Igreja, movimentos sociais, Rede Terra do Futuro e Estado. A atuação em contratualização iniciou em 2009, para prestação de serviços de Ates para Incra e é desenvolvida em concomitância com outras linhas de atuação. A atuação na Ates é percebida como convergente com o projeto político da organização, mas implica relativa perda de autonomia no planejamento das ações. Há um reconhecimento de que a sustentabilidade organizacional implica necessidade de permanente revisão de suas orientações e que se vivencia um momento onde essas revisões são oportunas.por
dc.contributor.advisor1Diesel, Vivien
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/9100511027348805por
dc.contributor.referee1Picolotto, Everton Lazzaretti
dc.contributor.referee1Latteshttp://lattes.cnpq.br/5536778224404595por
dc.contributor.referee2Wizniewsky, José Geraldo
dc.contributor.referee2Latteshttp://lattes.cnpq.br/8502017453675807por
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/1699553247567072por
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.departmentAgronomiapor
dc.publisher.initialsUFSMpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Extensão Ruralpor
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA::EXTENSAO RURALpor


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record


O Manancial - Repositório Digital da UFSM utiliza a versão 6.3 do software DSpace.
Av. Roraima, 1000. Cidade Universitária "Prof. José Mariano da Rocha Filho".
Bairro Camobi. CEP: 97.105-900. Santa Maria, RS, Brasil.