Show simple item record

dc.contributor.advisorGracioli, Cibele Rosa
dc.creatorBairros, Elizabete Cuty
dc.date.accessioned2019-02-20T12:23:31Z
dc.date.available2019-02-20T12:23:31Z
dc.date.issued2015-01-10
dc.date.submitted2015
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufsm.br/handle/1/15688
dc.descriptionMonografia (especialização) - Universidade Federal de Santa Maria, Centro de Tecnologia, Curso de Especialização em Educação Ambiental ,EaD, RS, 2015.por
dc.description.abstractThe work presents a study accomplished in the area of the butiazal in the Quatepe community, placed in the 1st district of the municipality of Quaraí in the West Border of Rio Grande do Sul. The community is composed by family ranchers that bring as heritage the activity with cattle and sheep, sharing the space with the butiás (Butia quaraimana). During four years it was aimed to investigate, through interviews and work field in seven properties, information about the way of the management of livestock by the butiazal, watching its role, regarding to the relation with the appearance or not of new seedlings of butiá palms. The families bring from the past the use of the straw from the butiá palms as food for the cattle, the fruit is most consumed by the sheep, getting them fatter and letting a slight taste in the meat distinguishing it, during the months of existence of the fruit. The monitoring in properties that raise only sheep, cattle and sheep, cattle and in an area that is not used to livestock, all of them inside the area of butiazal ,it was found that where there are only cattle or cattle with sheep, there are some new remaining, but they have their development late because the cattle eat the fibers. About the properties that raise only sheep, it’s found that they probably can be possible propagators of seedling of butiá palms, when they eat the fruit, they speed up the broken of the numbness of the seed when passing through the digestive tract, and in less time there is the process of germination of new seedlings. The result of the study shows that the activity with the livestock in areas of butiazais is probably possible, performing a simple handling, ensuring the preservation of the species.eng
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de Santa Mariapor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.rightsAttribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International*
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/*
dc.subjectPreservaçãopor
dc.subjectButiazaispor
dc.subjectOvinospor
dc.subjectPreservationeng
dc.subjectSheepeng
dc.titleA importância do rebanho ovino na preservação dos butiazeirospor
dc.title.alternativeThe importance herd sheep in the preservation of the butia palmseng
dc.typeTrabalho de Conclusão de Curso de Especializaçãopor
dc.degree.localPolo de Quaraí, RS, Brasilpor
dc.degree.specializationEducação Ambiental ,EaDpor
dc.description.resumoO trabalho apresenta um estudo realizado na área do butiazal na comunidade do Quatepe, localizado no 1º distrito do município de Quaraí na Fronteira Oeste do Rio Grande do Sul. A comunidade é composta por pecuaristas familiares que trazem de herança a atividade com bovinos e ovinos, dividindo o espaço com os butiás (Butia quaraimana). Durante quatro anos buscou-se conhecer, através de entrevistas e trabalho a campo em sete propriedades, informações sobre a forma de manejo da pecuária junto ao butiazal, observando seu papel, quanto a relação com o surgimento ou não de mudas novas de butiazeiros. As famílias trazem do passado a utilização da palha dos butiazeiros como alimento para os bovinos, o fruto é consumido em maior quantidade pelos ovinos, engordando-os e deixando um leve sabor na carne diferenciado-a, durante os meses da existência dos frutos. O monitoramento em propriedades que criam só ovinos, bovinos e ovinos, bovinos e em uma área que não é utilizada para pecuária, todas dentro da área do butiazal, foi constatado que onde existem só bovinos ou bovinos com ovinos, existe alguns remanescentes novos, mas tem seu desenvolvimento atrasado porque os bovinos comem as fibras. Quanto às propriedades que criam só ovinos, constata-se que eles podem ser provavelmente possíveis propagadores de mudas de butiazeiros, ao comerem o fruto, aceleram a quebra de dormência da semente ao passar pelo trato digestivo, e em menor tempo existe o processo de germinação de novas mudas. O resultado do estudo mostra que provavelmente a atividade com a pecuária em áreas de butiazais é possível, realizando um manejo simples, garantindo a preservação da espécie.por
dc.publisher.countryBrasilpor
dc.publisher.initialsUFSMpor
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAOpor
dc.publisher.unidadeCentro de Tecnologiapor


Files in this item

Thumbnail
Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

  • Educação Ambiental - EaD [293]
    Coleção dos trabalhos de conclusão do Curso de Especialização em Educação Ambiental - EaD

Show simple item record

Acesso Aberto
Except where otherwise noted, this item's license is described as Acesso Aberto

O Manancial - Repositório Digital da UFSM utiliza a versão 4.1 do software DSpace.
Av. Roraima, 1000. Cidade Universitária "Prof. José Mariano da Rocha Filho".
Bairro Camobi. CEP: 97.105-900. Santa Maria, RS, Brasil.