Show simple item record

dc.creatorRosa, Vinícius Medeiros da
dc.date.accessioned2019-12-26T15:47:18Z
dc.date.available2019-12-26T15:47:18Z
dc.date.issued2019-10-25
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufsm.br/handle/1/19232
dc.description.abstractThis research investigates how a group of professors, graduate students in Science Teaching, establishes relationships between human nature, philosophy of education and epistemology of science. From this investigation, reflections on the implications of human nature in science education were made. A set of classes was prepared and implemented in a discipline of the Graduate Program in Science Education: Chemistry of Life and Health. We have taken as theoretical basis the ideas contained in some writings of Jacques Maritain, a French philosopher of the twentieth century known as a neotomist. Our hypothesis is that the relationship between human nature and philosophy of education is a direct one, since the educational system is built upon a concept of human nature that underlies the human being to be educated, and all educational activity. Science, as we know it from the sixteenth century, have had a great influence on the two points mentioned above; thus, a better understanding of how this relationship occurs in Jacques Maritain's thinking can help science education contribute to integral human development. The data obtained by the research instruments were analyzed through the Grounded Theory (STRAUS AND CORBIN, 2008; CHARMAZ, 2009), and the results revealed that the research participants established some relationships between the three above-mentioned themes, predominantly indirectly, but also directly. The students presented evidence that the teachers' philosophy of education should be explicit, and that it is influenced by their concept of human being, also that theirs conceptions of science affect the teaching practice. Moreover, the epistemology of science presented potential to foster discussions on the other two topics.eng
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de Santa Mariapor
dc.rightsAttribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International*
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/*
dc.subjectNatureza humanapor
dc.subjectJacques Maritainpor
dc.subjectFilosofia da educaçãopor
dc.subjectEpistemologia da ciênciapor
dc.subjectEnsino de ciênciaspor
dc.subjectHuman natureeng
dc.subjectPhilosophy of educationeng
dc.subjectEpistemology of scienceeng
dc.subjectScience teachingeng
dc.titleNatureza humana na educação em ciências: uma reflexão filosóficapor
dc.title.alternativeHuman nature in science education: a philosophical reflectioneng
dc.typeTesepor
dc.description.resumoEsta pesquisa investiga como um grupo de professores, pós-graduandos em Ensino de Ciências, estabelece relações entre a natureza humana, a filosofia da educação e a epistemologia da ciência. A partir desta investigação foram feitas reflexões sobre as implicações da natureza humana na educação em ciências. Foi elaborado um conjunto de aulas e implementado em uma disciplina do Programa de Pós-Graduação em Educação em Ciências: Química da Vida e Saúde. Tomamos como base teórica as ideias contidas em alguns escritos de Jacques Maritain, filósofo francês do século XX conhecido como neotomista. Nossa hipótese é que a relação entre a natureza humana e a filosofia da educação é direta, visto que o sistema educacional é erigido sobre um conceito de natureza humana que fundamenta o ser humano que se deseja educar e toda a ação educacional. A ciência, tal como a conhecemos a partir do século XVI, exerceu grande influência sobre os dois pontos acima citados; assim, compreender melhor como se dá essa relação através do pensamento de Jacques Maritain pode auxiliar o ensino de ciências a contribuir com o desenvolvimento humano integral. Os dados obtidos pelos instrumentos de pesquisa foram analisados através da Teoria Fundamentada (STRAUS E CORBIN, 2008; CHARMAZ, 2009), e os resultados revelaram que os participantes da pesquisa estabeleceram algumas relações entre os três temas supracitados, predominantemente de forma indireta, mas também de maneira direta. Os estudantes apresentaram evidências de que a filosofia da educação deve ser explicitada, que ela é influenciada pela visão de ser humano e que as concepções de ciência dos professores incidem sobre a sua prática docente. Além disso, a epistemologia da ciência apresentou potencialidade para ser fomentadora de discussões sobre os outros dois tópicos.por
dc.contributor.advisor1Garcia, Isabel Krey
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/3865537547314234por
dc.contributor.referee1Santarosa, Maria Cecília Pereira
dc.contributor.referee1Latteshttp://lattes.cnpq.br/7310867402763253por
dc.contributor.referee2Paulo, Iramaia Jorge Cabral de
dc.contributor.referee2Latteshttp://lattes.cnpq.br/4357894521892427por
dc.contributor.referee3Munaro, Valdemar Antonio
dc.contributor.referee3Latteshttp://lattes.cnpq.br/9132184757522273por
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/5554283694655799por
dc.publisher.countryBrasilpor
dc.publisher.departmentBioquímicapor
dc.publisher.initialsUFSMpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Educação em Ciências: Química da Vida e Saúdepor
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::BIOQUIMICApor
dc.publisher.unidadeCentro de Ciências Naturais e Exataspor


Files in this item

Thumbnail
Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International
Except where otherwise noted, this item's license is described as Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International

O Manancial - Repositório Digital da UFSM utiliza a versão 4.1 do software DSpace.
Av. Roraima, 1000. Cidade Universitária "Prof. José Mariano da Rocha Filho".
Bairro Camobi. CEP: 97.105-900. Santa Maria, RS, Brasil.