Mostrar registro simples

dc.creatorPeruzzolo, Dani Laura
dc.date.accessioned2016-08-16
dc.date.available2016-08-16
dc.date.issued2016-03-09
dc.identifier.citationPERUZZOLO, Dani Laura. OPERATING AN EVENT PSYCHOMOTOR FOR EARLY INTERVENTION CLINICAL. 2016. 222 f. Tese (Doutorado em Fonoaudiologia) - Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria, 2016.por
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufsm.br/handle/1/3451
dc.description.abstractThis thesis aimed to build and analyze the effectiveness of a Psychomotor Operating Hypothesis as a strategy for treatment in early intervention term and preterm babies at risk for the development and / or psychological risk. As a secondary objective, gathered theoretical frameworks that integrate a Psychomotor Working Hypothesis, from studies on child development, structure aspects and instruments, the main psychomotor conceptual elements: Schema (EC) and body image (IC) and the clinical intervention early. The thesis has qualitative character, longitudinal, clinical quasi-experimental. Is part of a study evaluating babies in order to identify whether there are differences in the results of PRÉAUT protocols, Child Development Risk Indicators (IRDls) and Denver II, between preterm and term. The thesis of the strategy was research from multiple case study. The sample was for convenience, being a baby born preterm and full term, identified with psychological risk and / or delay in development in the study mentioned above. The babies were treated in early intervention by an occupational therapist, and gave up from a psychomotor working hypothesis for three and five months, respectively. The visits occur once a week, and were filmed and reported in a field diary. The footage was used to identify scenes to contribute in the discussion on the effectiveness or otherwise of treatment in early intervention based on the Psychomotor Working Hypothesis. The results were obtained by comparing the stated objectives and effects of treatment, identifying the approach strategies. The two cases confirm that psychomotor irregularity presented as delay problem in the psychomotor development in both with a psychomotor agitation in one case, that can be treated from a psychomotor working hypothesis, considering the uniqueness of the interpretation of symptoms as a announcement Baby on themselves and on the other, guided by family year in which the baby is encouraged to do / be. Confirmed the sensitivity of PRÉAUT, IRDls and protocols for delay detection risk in the development and / or psychological. Results reinforced the thesis that a psychomotor working hypothesis is an important procedure for evaluation in the clinic with baby. They emphasize the importance of the interpretation of the effect of the construction of IC on the baby EC in a dialectical relationship with their parents. HF is interpreted in light of the psychoanalytic concepts of maternal and paternal role to ensure the desired places subject to assumption and castrated, from the place of the parents of the sinthome. The EC is taken as the motor and cognitive functioning announcing the psychic place where the IC is being prepared, breaking with the idea of behavioral treatment for babies. From the perspective of an occupational therapist, clinical early intervention built through psychomotor clinic of contributions taken as a do / be, can be used to treat babies who have developmental delay with symptoms of motor skills, cognitive and psychological that They should be interpreted in light of a psychomotor function hypothesis.eng
dc.formatapplication/pdfpor
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de Santa Mariapor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectEstimulação precocepor
dc.subjectDesempenho psicomotorpor
dc.subjectSofrimento psíquicopor
dc.subjectTerapia ocupacionalpor
dc.subjectTerapia de falapor
dc.subjectFisioterapiapor
dc.subjectPsicanálisepor
dc.subjectPsychomotor performanceeng
dc.subjectPsychic sufferingeng
dc.subjectOccupational therapyeng
dc.subjectSpeech therapyeng
dc.subjectPhysiotherapyeng
dc.subjectPsychoanalysiseng
dc.titleUMA HIPÓTESE DE FUNCIONAMENTO PSICOMOTOR PARA A CLÍNICA DE INTERVENÇÃO PRECOCEpor
dc.title.alternativeOPERATING AN EVENT PSYCHOMOTOR FOR EARLY INTERVENTION CLINICALeng
dc.typeTesepor
dc.description.resumoNesta tese objetivou-se construir e analisar a efetividade de uma Hipótese de Funcionamento Psicomotor como estratégia para tratamento em intervenção precoce de bebês a termo e prematuros, com risco ao desenvolvimento e/ou risco psíquico. Como objetivos secundários, reuniram-se referenciais teóricos que integram uma Hipótese de Funcionamento Psicomotor, a partir de estudos sobre desenvolvimento infantil, aspectos estruturais e instrumentais, os principais elementos conceituais psicomotores: esquema (EC) e imagem corporal (IC) e sobre a clínica em intervenção precoce. A tese tem cunho qualitativo, longitudinal, clínico quase experimental. Faz parte de um estudo que avalia bebês com objetivo de identificar se existe diferença nos resultados dos protocolos PRÉAUT, Indicadores de Risco de Desenvolvimento Infantil (IRDIs) e Denver II, entre prematuros e a termo. A estratégia da tese foi de investigação a partir de estudo de casos múltiplos. A amostra foi por conveniência, sendo um bebê nascido prematuro e um a termo, identificados com risco psíquico e/ou atraso no desenvolvimento no estudo acima citado. Os bebês foram tratados em intervenção precoce por um terapeuta ocupacional, e deu-se a partir de uma Hipótese de Funcionamento Psicomotor, por três e cinco meses, respectivamente. Os atendimentos acontecerem uma vez por semana, e foram filmados e relatados em diário de campo. As filmagens foram utilizadas para identificar cenas que contribuíssem na discussão sobre a eficácia ou não do tratamento em intervenção precoce baseado na Hipótese de Funcionamento Psicomotor. Os resultados foram obtidos comparando os objetivos traçados e os efeitos do tratamento, identificando-se as estratégias de abordagem. Os dois casos clínicos confirmam que a irregularidade psicomotora apresentada como problema de atraso no desenvolvimento psicomotor em ambos, combinado a agitação psicomotora em um caso , pode ser tratada a partir de uma Hipótese de Funcionamento Psicomotor, pois considera a singularidade da interpretação dos sintomas como um anúncio do bebê sobre si e sobre o outro, pautado pelo exercício familiar em que o bebê é estimulado a fazer/ser. Confirma a sensibilidade dos protocolos PRÉAUT e IRDIs para detecção de risco de atraso no desenvolvimento e/ou psíquico. Os resultados reforçam a tese de a hipótese do funcionamento psicomotor tornar-se um procedimento de avaliação fundamental na clínica com bebê. Enfatizam a importância da interpretação sobre o efeito da construção da IC sobre o EC do bebê em uma relação dialética com seus pais. A IC é interpretada a luz dos conceitos psicanalíticos de função materna e paterna para garantir os lugares de suposição de sujeito desejado e castrado, a partir do lugar do sinthoma dos pais. O EC é tomado como o funcionamento motor e cognitivo que anuncia o lugar psíquico em que a IC está sendo elaborada, rompendo com a ideia de tratamento comportamental para bebês. Sob a ótica de um terapeuta ocupacional, a clínica da intervenção precoce construída por meio de aportes da clinica psicomotora tomada como um fazer/ser, pode ser utilizada para o tratamento de bebês que apresentam atraso no desenvolvimento com sintomas de aquisições motoras, cognitivas e psíquicas que devem ser interpretadas a luz de uma Hipótese de Funcionamento Psicomotor.por
dc.contributor.advisor1Souza, Ana Paula Ramos de
dc.contributor.advisor1Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4798686A3por
dc.contributor.referee1Milano, Luiza Ely
dc.contributor.referee1Latteshttp://lattes.cnpq.br/5825549965422633por
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/1975883312961809por
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.departmentFonoaudiologiapor
dc.publisher.initialsUFSMpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Distúrbios da Comunicação Humanapor
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::FONOAUDIOLOGIApor


Arquivos deste item

Thumbnail

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Mostrar registro simples