Mostrar registro simples

dc.creatorMoscovich, Fabio Abel
dc.date.accessioned2008-09-25
dc.date.available2008-09-25
dc.date.issued2006-04-04
dc.identifier.citationMOSCOVICH, Fabio Abel. GROWTH DYNAMICS IN A MIXED ARAUCARIA FOREST IN NOVA PRATA, RIO GRANDE DO SUL, BRAZIL. 2006. 130 f. Tese (Doutorado em Recursos Florestais e Engenharia Florestal) - Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria, 2006.por
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufsm.br/handle/1/3707
dc.description.abstractThe changes in the species composition, phytosociological structure and the growth dynamics (recruitment, mortality and dbh increment) have been studied in five permanent plots in a Mixed Araucaria Forest with different degrees of human intervention. The area located in Nova Prata county, Rio Grande do Sul, Brazil, has been measured during the 1995 2003 period, considering trees with diameter at breast height (dbh) over 30 cm. The floristic composition analysis shoes no significant changes during the studied period. Nevertheless, the trends to a lower number of strata indicate changes in the vertical structure, in the sense of a more stable one. The mortality rate has been higher than the recruitment rate and therefore, the dynamics cure not progressive but occurs in periods in which death is greater than inflows, creating gaps in the canopy than can allow the emergence of new individuals. The basal area annual increment can be estimated by an equation developed for the measured forest. Nevertheless, a specific equation had to be developed for Unit 5, that has showed a very different growth pattern, due to the consequences on it of a storm. The result of applying canonic correspondence analysis to the forest is the division in two phytosociological structures, according to the presence, or no, of Araucaria angustifolia. However, no significative changes in the internal phytosociological changes have been observed in these two structures. As observed before, mortality rates have been higher than recruitment rates, noting that this has been higher in the areas with out Araucaria, indicating a higher alteration in theses structures. The annual basal area increments can be estimated through regression equations developed for the two structures. The forest be managed according to the mosaic distribution pattern of the two structures (with and without Araucaria) observed.eng
dc.formatapplication/pdfpor
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de Santa Mariapor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectEngenharia florestalpor
dc.subjectSilviculturapor
dc.subjectNova prata (RS)por
dc.subjectRio grande do sulpor
dc.subjectFloresta ombrofila mistapor
dc.titleDinâmica de crescimento de uma floresta ombrófila mista em Nova Prata, RSpor
dc.title.alternativeGrowth dynamics in a mixed araucaria forest in Nova Prata, Rio Grande do Sul, Brazileng
dc.typeTesepor
dc.description.resumoAs mudanças na composição florística, estrutura fitossociológica e os processos dinâmicos do crescimento: ingresso, mortalidade e incremento em área basal, foram estudados em cinco unidades de medição permanente de uma Floresta Ombrófila Mista com distintos graus de intervenção antrópica. A área, localizada no município de Nova Prata, RS, foi amostrada durante o período de 1995 a 2003, considerando os indivíduos arbóreos com circunferência à altura do peito maior ou igual a 30 cm. A análise de composição florística e estrutura fitossociológica mostram não haver mudanças significativas durante o período estudado. Foi observada uma mudança na composição vertical da floresta para estruturas com menor número de estratos significando uma maior estabilidade. As taxas de mortalidade foram superiores as taxas de ingresso, de modo que a dinâmica não se produz em forma gradativa mas sim por períodos onde a mortalidade é superior ao ingresso, gerando espaços no dossel, o que permite o surgimento de novos indivíduos. O incremento periódico anual em área basal pode ser estimado por uma equação própria desenvolvida para a floresta amostrada. Foi necessário desenvolver uma equação particular para a estimativa do incremento em área basal para a unidade amostral permanente Parcela 5 , pois esta mostrou um comportamento totalmente diferenciado do resto em conseqüência de um ciclone. A análise de correspondência canônica dividiu a floresta em duas estruturas diferenciadas pela presença dominante, ou não, de Araucaria angustifolia, fazendo necessário o trabalho em duas comunidades fitossociológicas. Analisando estas duas estruturas, também, não foram observadas mudanças significativas na estrutura fitossociológica no período estudado. As taxas de mortalidade também se apresentaram maiores que as de ingresso, registrando-se uma maior mortalidade na floresta sem presença dominante de araucária, o que indica uma maior alteração da estrutura. Os incrementos periódicos anuais em área basal podem ser estimados através de equações de regressão desenvolvidas para cada caso. Pelo observado é recomendável manejar a floresta fazendo uma divisão pelas diferença de vegetação em dois grupos com presença dominante de araucária e sem presença dominante desta espécie.por
dc.contributor.advisor1Brena, Doádi Antônio
dc.contributor.advisor1Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4787792U5por
dc.contributor.referee1Vaccaro, Sandro
dc.contributor.referee1Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4723997J2por
dc.contributor.referee2Schneider, Paulo Renato
dc.contributor.referee2Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4787759Y8por
dc.contributor.referee3Pereira, Rudiney Soares
dc.contributor.referee3Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4783643H0por
dc.creator.Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4480451Z0por
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.departmentRecursos Florestais e Engenharia Florestalpor
dc.publisher.initialsUFSMpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Engenharia Florestalpor
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::RECURSOS FLORESTAIS E ENGENHARIA FLORESTALpor


Arquivos deste item

Thumbnail

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Mostrar registro simples