Show simple item record

dc.creatorGiacomelli, Karina
dc.date.accessioned2007-12-04
dc.date.available2007-12-04
dc.date.issued2007-08-15
dc.identifier.citationGIACOMELLI, Karina. SCIENCE, DISCIPLINE AND MANNUAL: É. BENVENISTE AND LINGUISTICS OF ENUNCIATION. 2007. 194 f. Tese (Doutorado em Letras) - Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria, 2007.por
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufsm.br/handle/1/3943
dc.description.abstractThis paper presents an analysis of introductory manuals to linguistics published in Brazil in the last two decades, with the aim of identifying references to Benveniste. The manualization of linguistic knowledge on enunciation is considered a larger process of disciplinarization, in which two types of contextualization are confronted: that of the constituition of scientific knowledge and that of the school world. In this respect, the notion of discipline is explored as a field that must select its domains in regard to others : those that have preceded it and those that are adjacent to it, while still projecting a path of development for itself. It thus comprises a horizon of retrospection, a horizon of projection and a domain of contemporaneity and these three dimensions provide the conditions for knowledge to be conveyed within the school world. This characterizes the process of didatic transposition, in which scientific knowledge undergoes transformations that allow it to be taught. One of the formats in which it materializes into is the manual, a priviledged vehicle for the construction of disciplinary discourse. What the analysis of instructional books reveals is that the lack of an institutionalized discipline linguistics of enunciation is reflected in the mannual, once the short space granted to Benveniste s theory does not allow one to know enough the author who made it possible a new form of viewing and studying language: language transformed into discourse through enunciation.eng
dc.description.sponsorshipCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior
dc.formatapplication/pdfpor
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de Santa Mariapor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectLinguísticapor
dc.titleCiência, disciplina e manual: é. Benveniste e a lingüística da enunciaçãopor
dc.title.alternativeScience, discipline and mannual: é. Benveniste and linguistics of enunciationeng
dc.typeTesepor
dc.description.resumoEste trabalho apresenta uma análise dos manuais de introdução à lingüística, publicados no Brasil nas duas últimas décadas, com o objetivo de verificar as referências a Benveniste. Toma-se a manualização dos saberes lingüísticos sobre a enunciação como um processo mais amplo, de disciplinarização, no qual se confrontam dois tipos de contextualização: o da constituição dos saberes científicos e o do mundo escolar. Nesse sentido, trabalha-se com a noção de disciplina como um campo que deve escolher seus domínios em relação aos demais: aqueles que o antecederam e os que lhe são adjacentes, mas também projetando para si uma linha de desenvolvimento. Configuram-se, assim, um horizonte de retrospecção, um horizonte de projeção e um domínio de atualidade, essas três dimensões reunindo as condições de transmissibilidade do saber no mundo escolar. Começa, então, um processo de transposição didática, em que o conhecimento científico sofre transformações para poder ser ensinado. Uma das formas de esse saber se materializar é o manual, veículo privilegiado para a construção do discurso disciplinar. O que a análise do livro didático mostra é que a falta de uma disciplina institucionalizada a lingüística da enunciação reflete-se no manual. O pouco espaço reservado à teoria de Benveniste demonstra o desinteresse da lingüística brasileira com o autor que tornou possível uma nova forma de ver e estudar a linguagem: a língua transformada em discurso pela enunciação.por
dc.contributor.advisor1Pires, Vera Lucia
dc.contributor.advisor1Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4103630D3por
dc.contributor.referee1Fiorin, José Luiz
dc.contributor.referee1Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4727631Z6por
dc.contributor.referee2Barbisan, Leci Borges
dc.contributor.referee2Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4799795D1por
dc.contributor.referee3Flores, Valdir do Nascimento
dc.contributor.referee3Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4794173H8por
dc.contributor.referee4Barros, Nina Célia Almeida de
dc.contributor.referee4Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4794805E8por
dc.creator.Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4772991P9por
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.departmentLetraspor
dc.publisher.initialsUFSMpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Letraspor
dc.subject.cnpqCNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LETRASpor


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record


O Manancial - Repositório Digital da UFSM utiliza a versão 4.1 do software DSpace.
Av. Roraima, 1000. Cidade Universitária "Prof. José Mariano da Rocha Filho".
Bairro Camobi. CEP: 97.105-900. Santa Maria, RS, Brasil.