Show simple item record

dc.creatorSilva, Marcos Kipper da
dc.date.accessioned2016-10-19
dc.date.available2016-10-19
dc.date.issued2015-02-20
dc.identifier.citationSILVA, Marcos Kipper da. EVALUATION AND CALIBRATION OF AN OSTEODENSITOMETER TO ESTIMATE BODY CHEMICAL COMPOSITION AND DISSECTED COMPOSITION IN PORK. 2015. 144 f. Tese (Doutorado em Zootecnia) - Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria, 2015.por
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufsm.br/handle/1/4388
dc.description.abstractA series of studies have been developed to evaluate and calibrate a bone densitometry device (Dual-energy X-ray Absorptiometry DXA) as an indirect method for body, carcass, and pork evaluation. Thus, the technology was tested for its precision in repeatability and reproducibility conditions. The effect of the sample edge, temperature, and thickness of the sample, and the effect of modifying the composition of the sample by the addition of tissue were also tested. In addition, software packages were evaluated. Finally, a protocol was developed to calibrate the method estimating the chemical composition of entire body and half carcass; and the dissected tissue composition of half carcass and primary cuts. The repeatability and reproducibility of the equipment were in general satisfactory; however, some regions of interest should be avoided, such as the trunk. The reduction of the edge perimeter did not change the results provided by the device. The temperature had a slight effect on the results; however, a wide variation in temperature is necessary to generate a small change in DXA results. The thickness variation of a sample with constant composition was one of the factors that most influenced the DXA measurements. For this reason, the techniques for standardization considering this factor are crucial to enable this device utilization. The evaluated software were Total body and Small Animal, each one with its three configurations totaling six studies. Both software could be used to estimate the composition of dissected tissues; however, the more extensive was the dissection the lower was the accuracy of the method. Thus, estimating an amount of a particular tissue in a half carcass was more accurate than estimating the same tissues in the primal cuts. The calibration procedure allowed obtaining translation models with good accuracy and precision to estimate the chemical composition and dissected tissues. In addition, measurements took in a condition could be used to estimate the composition in another one. However, when the measurement was more specific then greater was the precision of estimation. Accurate results were achieved after small methodological adjustments. This happened because the factors affecting DXA measurements were quantified and easily corrected with method standardization. The DXA is an important tool for animal evaluation. Thus, DXA should be considered in future studies.eng
dc.description.sponsorshipCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior
dc.formatapplication/pdfpor
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de Santa Mariapor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectAnálises químicaspor
dc.subjectDissecçãopor
dc.subjectDXApor
dc.subjectMétodo indiretopor
dc.subjectZootecnia de precisãopor
dc.subjectChemical analyseseng
dc.subjectDissectioneng
dc.subjectDXAeng
dc.subjectIndirect methodeng
dc.subjectPrecision farmingeng
dc.titleAvaliação e calibração de um osteodensitômetro para estimação da composição química corporal e composição de tecidos dissecados de suínospor
dc.title.alternativeEvaluation and calibration of an osteodensitometer to estimate body chemical composition and dissected composition in porkeng
dc.typeTesepor
dc.description.resumoUma série de estudos foram desenvolvidos para avaliar e calibrar um equipamento de densitometria óssea (Dual-energy X-ray Absorptiomentry DXA) como método indireto para avaliação corporal, de carcaça e de cortes cárneos suínos. Assim, a tecnologia foi testada quanta à sua precisão em condições de repetibilidade e reprodutibilidade; além dos efeitos de borda da amostra, temperatura e espessura da amostra; e do efeito da modificação da composição da amostra pela adição de tecidos. Os pacotes de softwares também foram avaliados quanto às suas configurações. Por fim, um protocolo foi desenvolvido para calibrar o método para estimação da composição química corporal e de meia carcaça suína, além da composição de tecidos dissecados de meia carcaça e cortes primários. A repetibilidade e reprodutibilidade do equipamento foram em geral satisfatórias. Porém, algumas regiões de interesse devem ser evitadas, como a do tronco. A redução do perímetro da borda não modificou os resultados fornecidos pelo equipamento. A temperatura apresentou um leve efeito sobre os resultados, no entanto é necessária uma grande variação de temperatura para gerar uma pequena variação nos resultados DXA. A variação da espessura de uma amostra com composição constante foi um dos fatores que mais influenciaram as medidas tomadas com o equipamento. Visto isso, a padronização de técnicas considerando esse fator é fundamental para viabilizar a utilização desta tecnologia. Os softwares avaliados foram o Total body e Small animal cada um com suas três configurações totalizando seis estudos. Os dois softwares puderam ser empregados para estimação da composição de tecidos dissecados. No entanto, quanto mais extensiva foi a dissecção menor foi a precisão do método. Assim, a estimação da quantidade de um determinado tecido em uma meia carcaça foi mais precisa do que a estimação da composição de mesmo tecido nos cortes primários. Através da calibração do método, foi possível obter modelos de tradução com boa acurácia e precisão para estimar a composição química e de tecidos dissecados. Além disso, medidas tomadas em uma condição puderam ser utilizadas para estimar a composição em outra. Assim, a digitalização da meia carcaça pode ser utilizada para estimar a quantidade de músculo da paleta, por exemplo. No entanto, quanto mais específica foi a medida maior foi a precisão da estimativa. Resultados precisos foram alcançados depois de pequenos ajustes metodológicos, uma vez que, os fatores de influência sobre os resultados foram quantificados e eram de fácil correção através de padronização dos métodos. A ferramenta DXA mostrou-se um importante instrumento para avaliação animal. Portanto, a DXA deve ser considerada em futuras pesquisas.por
dc.contributor.advisor1Radünz Neto, Joao
dc.contributor.advisor1Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4783033E5por
dc.contributor.referee1Lehnen, Cheila Roberta
dc.contributor.referee1Latteshttp://lattes.cnpq.br/6592450638931890por
dc.contributor.referee2Zanella, Irineo
dc.contributor.referee2Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4788657E9por
dc.contributor.referee3Hauschild, Luciano
dc.contributor.referee3Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4701336D2por
dc.contributor.referee4Pacheco, Paulo Santana
dc.contributor.referee4Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4762088A5por
dc.creator.Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4269609Y8por
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.departmentZootecniapor
dc.publisher.initialsUFSMpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Zootecniapor
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::ZOOTECNIApor


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record


O Manancial - Repositório Digital da UFSM utiliza a versão 4.1 do software DSpace.
Av. Roraima, 1000. Cidade Universitária "Prof. José Mariano da Rocha Filho".
Bairro Camobi. CEP: 97.105-900. Santa Maria, RS, Brasil.